Europa precisa de legislação para defender solos

Europa precisa de legislação para defender solos

Uma lei europeia para defender solos é urgente, defendeu a geógrafa Teresa Pinto-Correia, no podcast Ciência com Impacto, do Diário de Notícias. A geógrafa afirma que os solos estão a degradar-se diariamente devido a práticas incorretas, com consequências na produção de alimentos.

“Muitos dos solos na Europa estão degradados ou estão em condições que se deterioram todos os dias e a atenção de quem utiliza o solo e mesmo da sociedade em geral sobre o solo é muito baixa. Ninguém sabe qual é o solo em que vive ou o solo em que se produz os alimentos que consome”, revela Teresa Pinto Correia, vice-presidente do Conselho de Missão Europeu sobre a Saúde dos Solos e dos Alimentos, em entrevista ao DN.

O grupo de trabalho sobre a saúde dos solos e dos Alimentos defende uma mudança profunda no uso da terra e dos sistemas alimentares na Europa, afirma a vice-presidente desse Conselho de Missão Europeu.

A investigadora, diretora do MED – Instituto Mediterrâneo para a Agricultura, Ambiente e Desenvolvimento, defende que é necessário travar o uso de solos férteis nas expansões urbanas e parar com a degradação dos solos, causadas pela contaminação industrial e pelas más práticas agrícolas.

O artigo foi publicado originalmente em Vida Rural.

Comente este artigo
Anterior Corticeira Amorim revela tecnologias inovadoras para erradicar o TCA detetável
Próximo Itália | Governo quer aprovar OGM e NTG mas grupos ambientalistas não deixam

Artigos relacionados

Últimas

Medidas adicionais para erradicação da bactéria ‘Xylella fastidiosa’ a partir de 5.ª feira

Os procedimentos e medidas de proteção fitossanitária adicionais para erradicação no território nacional da bactéria ‘Xylella fastidiosa’, que afeta plantas, foram hoje publicados em Diário da […]

Eventos

Porto acolhe encontro internacional sobre leguminosas – 9 de julho – Porto

Vai ter lugar a 9 de Julho, no campus Foz da Escola Superior de Biotecnologia (ESB) da Universidade Católica Portuguesa, no Porto, […]

Sugeridas

Atualização das zonas demarcadas para “Epitrix”

A DGAV informa que foi feita a atualização das zonas demarcadas para Epitrix, divulgada através do Ofício Circular n.º 19/2019. […]