Estão abertas a candidaturas ao Pedido Único

Arranca hoje, 1 de Março,  o primeiro dia de apresentação das candidaturas ao Pedido Único (PU), para o ano de 2017. O período de encerramento é a 15 de Maio de 2017.

A candidatura ao PU 2017 poderá ser efetuada diretamente pelo Beneficiário na Área Reservada do Portal do IFAP, em O Meu Processo, ou através das Entidades reconhecidas, numa das Salas de Atendimento existentes para o efeito.

Para informação detalhada relativamente ao PU, incluindo prazos de entrega de outros formulários associados, consulte a página Pedido Único 2017.

Para esclarecimentos adicionais poderá contactar o IFAP, através do endereço de correio eletrónico ifap@ifap.pt ou ainda pelos restantes canais de atendimento que tem ao seu dispor: Atendimento Presencial, na Rua Fernando Curado Ribeiro, n.º 4G, em Lisboa, Atendimento Eletrónico ou pelo Atendimento Telefónico, através do 217 513 999.

Comente este artigo
Anterior EU may need ‘measurable goals’ on UN SDGs – environment ministers
Próximo Costa anuncia que “reforma estrutural” da floresta arranca a 21 de março

Artigos relacionados

Nacional

Vinho dos mortos: tradição portuguesa renasce em vinícola brasileira

[Fonte: Gazeta Rural]

Enterrar garrafas de vinho é uma tradição portuguesa que remonta ao século XIX. Há uma quinta no interior de São Paulo, Brasil, que está a recriar o ritual ao som de fado e com trajes tradicionais portugueses. […]

Nacional

Desmistificar a utilização de tecnologias de Agricultura de Precisão – 21 e 27 de Setembro 2017

A TERRAPRO, em colaboração com o SANTANDER TOTTA, NEW HOLLAND, SYNGENTA e a VITAS, promove um conjunto de eventos com o objetivo de desmistificar a utilização de tecnologias de Agricultura de Precisão.
Pretende-se demonstrar a facilidade de utilização e apresentar resultados práticos nas diversas culturas, desde o milho ao olival. […]

Últimas

Gisele Bündchen responde a ministra de Bolsonaro: “Mau brasileiro é quem está a desflorestar a Amazónia”

[Fonte: Rádio Renascença]

Esta quinta-feira tornou-se pública a carta que Gisele Bündchen enviou à ministra da Agricultura de Bolsonaro. Segundo Tereza Cristina, recorde-se, a modelo “é uma má brasileira”, pois, enquanto embaixadora da ONU para o Meio Ambiente, não deveria criticar as más práticas ambientais do seu país, […]