Empresa portuguesa recebe convite do Governo Chileno para estabelecer operação na América latina num setor considerado estratégico

Empresa portuguesa recebe convite do Governo Chileno para estabelecer operação na América latina num setor considerado estratégico

Esta startup do fundão financiada pela Portugal Ventures desenvolveu uma plataforma de IOT (internet of things) muito robusta e poderosa. Esta plataforma foi desenvolvida com o objectivo de reduzir os consumos de água e energia na rega.

A plataforma é tão poderosa e simples e tem tido tão bons resultados que esta startup do fundão está a desenvolver aplicações com diversos parceiros em áreas tão diferentes como a saúde, a gestão de hotéis, smart cities com municípios ou gestão de campos de golf.

A startup criada por 2 Agrónomos e 1 Programador conta já com mais de 2500 dispositivos activos com reduções de consumo.

A trigger conta já com diversos casos de grande sucesso onde se destacam os resultados obtidos na  Câmara Municipal de Lisboa a na Câmara municipal de Oeiras com poupanças que chegam em diversos casos a ser superiores a 50%.

A trigger foi em Setembro de 2016 acelerada num programa da UPTEC e ganhou o IOT chalange promovido pela PT empresas bem como o 2 lugar noClimate LaunchPAD. A empresa esteve presente com o apoio da PT empresas no Websummit em Lisboa. A trigger ganhou um evento de IOT feito pelo IOTvalley França e representou Portugal no evento europeu de redução dos impactos climáticos.

A missão da trigger é simples reduzir o impacto dos sistemas criados pelo homem na terra num lema a que chamam #ITES Intelligence with Technology to get Efficiency and Sustainability.

Face as características e necessidades do Chile a trigger vai trabalhar com o apoio do governo chileno em 3 objectivos muito claros:

– Deteção e prevenção de incêndios.

– Poupança de água e energia no setor da Agricultura.

– Poupança de energia e aumento da eficiência e produção de energia renovável.

A entrada da trigger no chile é feita depois de uma cuidadosa seleção mundial das startups com melhores capacidades de resposta nestas áreas que a trigger venceu.

O governo chileno criou diversas condições para a fácil instalação da empresa como a sede e todas infraestruturas de suporte, um programa de acolhimento para facilitar os contactos neste pais,e ainda apoia todas as despesas de instalação da empresa viagens e os salários de toda a equipa.

A trigger irá assim abrir escritório no Chile e montar uma equipa local. A base do Chile servirá também para iniciar a sua operação na América Latina. Ficou assim antecipada as prospectivas de internacionalização previstas apenas para a segunda metade do ano de 2017.

Boa sorte à equipa da trigger.systems!

Comente este artigo
Anterior SMARTFARM
Próximo CAP e CONFAGRI parceiras da ANIPLA no projeto TOPPS

Artigos relacionados

Últimas

PCP apresentou 38 medidas a Costa e reiterou desacordo com “Reforma Florestal”

Lisboa, 27 jun (Lusa) – O dirigente comunista João Frazão anunciou hoje que o PCP apresentou ao primeiro-ministro 38 medidas, entre “imediatas e urgentes” e outras a médio prazo, para resolver problemas de fogos florestais, vincando o desacordo com a “Reforma Florestal” governamental.

Comente este artigo
#wpdevar_comment_2 span,#wpdevar_comment_2 iframe{width:100% !important;} […]

Últimas

Fenapícola preocupada.

A FENAPÍCOLA – Federação Nacional das Cooperativas de Produtores de Mel, CRL, foi recebida  a 21 de fevereiro,  em audiência, pelo Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, Luís Vieira.
Para além da apresentação de cumprimentos, fizeram parte da ordem de trabalhos da Federação os seguintes pontos:

Agradecimento pelo apoio e pela estreita colaboração entre a FENAPÍCOLA e o Ministério da Agricultura, […]

Eventos

Mercado Fora d’Horas – 7 de Junho, 5 de Julho, 9 de Agosto 2017 – Silves

Após o sucesso da primeira edição, o Mercado Fora d’Horas ressurge em 2017 com três noites dedicadas aos sentidos: o olfato, a audição e a visão.
O Mercado Fora d’Horas é um evento gastronómico sobre cultura local, ocorre no Mercado Municipal de Silves e teve origem num projeto de design comunitário que procura consciencializar sobre as vantagens dos produtos locais envolvendo a comunidade relacionada com o mercado. […]