Empresa portuguesa em acelerador de startups da Alltech

Empresa portuguesa em acelerador de startups da Alltech

A edição de 2019 do Pearse Lyons Accelerator, iniciativa de aceleração de desenvolvimento de startups, promovida pela empresa Alltech, em parceria com a Dogpacth Labs, conta com uma participação de Portugal. A FarmCloud, focada na integração de controladores na área da produção animal – e que já recebeu diversos prémios e nomeações e participou em múltiplas iniciativas de inovação –, é uma das dez startups de diferentes áreas de inovação na agricultura que vão ser submetidas a um programa de aceleração.

AIS-FC-M-2000x0-c-default

Os participantes na edição de 2019 também vão poder apresentar o seu trabalho na ONE: The Alltech Ideas Conference, conferência que tem lugar de 19 a 21 de Maio, nos Estados Unidos da América, que contará com mais de 4.000 participantes, oriundos de mais de 70 países. «As startups da nossa classe de 2019 estão focadas em todos os aspectos da agricultura, incluindo o bem-estar animal, a qualidade da carne, a saúde das culturas e o aumento da produtividade. O grupo final de startups reflecte o âmbito completo das operações globais da Alltech e acreditamos que as suas tecnologias podem ajudar a Alltech e os nossos clientes a tornarem-se mais sustentáveis, lucrativos e inovadores», afirma Mark Lyons, presidente e CEO da Alltech [na fotografia de abertura].

A lista das dez startups é a seguinte:

  • SomaDetect (Canadá) – Medição de indicadores de qualidade de lacticínios
  • Higher Steaks (Reino Unido) – Criação de carne à medida em laboratório
  • SwineTech (Estados Unidos da América) – Solução para suinicultura
  • Breedr (Reino Unido) – App para pecuária
  • Biome Makers (Estados Unidos da América) – Medição de saúde da cultura e da biodiversidade funcional
  • Global Resonance (Reino Unido) – Integração nos sistemas empresariais de dados em tempo real de toda a cadeia de abastecimento alimentar
  • FarmCloud (Portugal) – Integração plug-and-play de controladores climáticos e de ração de um leque alargado de fabricantes
  • Terra NutriTECH (Irlanda) – Adição precisa de aditivos alimentares
  • FOLIUM (Reino Unido) – Remoção de bactérias da ração
  • InTouch (Irlanda) – Gestão on-line da alimentação de animais para produção leiteira

A terceira edição do Pearse Lyons Accelerator contou com o maior número de candidaturas de startups até agora: 251. Esta iniciativa tem o nome do fundador da Alltech.

Notícias relacionadas




Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores.

Anterior Penacova cria centro de soluções inovadoras para dinamizar turismo de natureza
Próximo Projet de loi énergie: le gouvernement recule sur les objectifs climatiques

Artigos relacionados

Últimas

Incêndios. Mais de 60 concelhos de 12 distritos em risco muito elevado

Mais de 60 centena de concelhos de 12 distritos de Portugal continental apresentam esta quinta-feira um risco muito elevado de incêndio, […]

Sugeridas

Tribunal de Justiça condena uso da denominação ‘manteiga’ ou ‘queijo’ em produtos vegetais

O Tribunal de Justiça europeu pronunciou-se hoje contra a utilização da denominação ‘leite’, ‘manteiga’ ou ‘iogurte’ por produtos não lácteos, dando razão a uma associação alemã que acusou de concorrência desleal uma empresa de alimentos vegetarianos/veganos. […]

Sugeridas