DGAV concede autorização excecional de ORTIVA para controlo da antracnose da batateira

DGAV concede autorização excecional de ORTIVA para controlo da antracnose da batateira

O fungicida ORTIVA da Syngenta encontra-se autorizado para o controlo da antracnose da batateira por um período de 120 dias. Concedida pela Direção Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV), esta autorização excecional de emergência foi solicitada pela Porbatata- Associação da Batata de Portugal.

O produto ORTIVA da Syngenta surge como uma solução para controlo da antracnose da batateira, doença para a qual não existem produtos autorizados em Portugal. A DGAV concede esta autorização excecional de emergência por um período de 120 dias, a contar de 19 de janeiro de 2018.

Está autorizada uma aplicação de ORTIVA, à dose de 3L/hectare, com volume de calda ultra baixo (de 80 – 150L/hectare), devendo o tratamento ser realizado à plantação, com equipamento especializado (plantador equipado com pulverizador), para aplicação na linha de sementeira.

«A aplicação deve ser dirigida ao solo à volta do tubérculo e não ao tubérculo, de modo a minimizar um possível atraso na emergência. Este tipo de aplicação não é eficaz quando usado em solos com elevado teor em matéria orgânica», recomenda a DGAV na autorização.

A antracnose é uma doença que afeta todos os órgãos da planta, nomeadamente as partes subterrâneas. O fungo causador da doença (Colletotrichum coccodes) sobrevive durante largos períodos de tempo no solo, sob a forma de esclerotos, sendo as principais fontes de inóculo a batata semente e o solo.

 

Aceito a Política de Proteção de Dados e consinto a recolha e tratamento de dados pessoais para as nossas newsletters.

Comente este artigo
Anterior Sessão de esclarecimento: Nova Licença VALORFITO – Regras e Funcionamento -25 de Janeiro 2018 - Amadora
Próximo Governo ajusta critérios de elegibilidade de pequenos investimentos agrícolas do PDR 2020

Artigos relacionados

Últimas

Excedente da balança comercial da floresta diminuiu quase 77 ME em 2016

Lisboa, 20 jul (Lusa) — O excedente da balança comercial dos produtos florestais diminuiu 76,7 milhões de euros em 2016, face a 2015, […]

Últimas

Pacote florestal votado a 19 de julho, direita critica PS

Lisboa, 21 jun (Lusa) — Os partidos puseram-se hoje de acordo para aprovar, até julho, a reforma da floresta, que está […]

Eventos

Mercado Fora d’Horas – 7 de Junho, 5 de Julho, 9 de Agosto 2017 – Silves

Após o sucesso da primeira edição, o Mercado Fora d’Horas ressurge em 2017 com três noites dedicadas aos sentidos: o olfato, […]