Cotações – Ovinos e Caprinos – Informação Semanal – 1 a 7 Abril 2019

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Ovinos

As cotações médias nacionais dos borregos analisados, de <12 Kg, 22-28 Kg e de >28 Kg, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior.

Na Beira Interior a oferta de borrego foi média na área de mercado da Cova da Beira e relativamente abundante em Castelo Branco e na Guarda; a procura foi relativamente fraca em Castelo Branco, média na Guarda e relativamente animada na Cova da Beira. Estabilidade de cotações dos borregos de <12 Kg nas três áreas analisadas.

Beira Litoral

Na Beira Litoral a oferta de borrego foi muito fraca na área de mercado de Coimbra e relativamente fraca em Viseu; a procura foi muito fraca em Coimbra e relativamente fraca em Viseu. Estabilidade de cotações dos cabritos de <10 Kg nas duas áreas analisadas.

Ribatejo e Oeste

No Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo, a oferta e a procura de borrego foram médias. Estabilidade generalizada de cotações.

Alentejo

No Alentejo a oferta de borrego foi relativamente fraca nas áreas de mercado de Estremoz e Beja e média no Alentejo Norte, Alentejo Litoral, Évora e Elvas; a procura foi média em todas as áreas de mercado referidas.

Subida dos borregos de 22-28 Kg em Estremoz (+30 cêntimos / Kg). Em Trás-os-Montes a oferta e a procura de borrego foram relativamente fracas. Estabilidade de cotações dos borregos de <12 Kg e de 13-21 Kg nas três áreas de mercado analisadas, Alto Tâmega, Terra Fria e Terra Quente.

Caprinos

Na semana em análise a cotação média dos cabritos de <10 Kg manteve-se estável em relação à semana anterior nas três regiões analisadas, Beira Interior, Beira Litoral e Trás-os-Montes.

Beira Interior

Na Beira Interior a oferta de cabrito foi fraca na área de mercado da Cova da Beira, média na Sertã e relativamente abundante na Guarda; a procura foi relativamente fraca na Cova da Beira e média na Guarda e na Sertã. Subida da cotação máx. dos cabritos de <10 Kg na Sertã (+50 cêntimos / Kg).

Na Beira Litoral a oferta de cabrito foi muito fraca na área de mercado de Coimbra e fraca em Viseu; a procura foi muito fraca em Coimbra e relativamente fraca em Viseu. A procura aumentou nas duas últimas semanas, principalmente em Viseu. Esta semana as cotações dos cabritos de <10 Kg mantiveram-se estáveis.

Trás-os-Montes

Em Trás-os-Montes a oferta e a procura de cabrito foram relativamente fracas. Estabilidade de cotações dos cabritos de <10 Kg nas três áreas de mercado analisadas, Alto Tâmega, Terra Fria e Terra Quente.

No Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo, a oferta e a procura de cabrito foram médias, tendo ambas aumentado nas duas últimas semanas. Após a subida de cotações ocorrida na passada semana, os cabritos de <10 Kg pautaram-se pela estabilidade.

Alentejo

No Alentejo a oferta de cabrito foi fraca na área de mercado de Estremoz e média no Alentejo Norte; a procura foi fraca nas duas áreas referidas. Estabilidade de cotações dos cabritos de <10 Kg e de >10 Kg nas duas áreas.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar - Cotações.

Anterior El lechón alcanza su precio máximo anual
Próximo III Jornadas Zootécnicas do ISA: A Valorização da Pecuária Nacional - 16 e 17 de abril

Artigos relacionados

Eventos máquinas agrícolas

Convenção de Revendedores Kubota 2018

Na passada 5ª feira, 22 de Março, em Monte Real, a Tractores Ibéricos reuniu 18 dos seus revendedores, num evento onde premiou os melhores de 2017.

Dossiers

El precio del pollo sube más de un 25% en un mes


Febrero comienza con subidas en el mercado del pollo blanco ante el aumento de la demanda, siguiendo la tónica del pasado mes de enero, […]

Últimas

Cothn promove acção de formação em Alcobaça sobre automação de funções em tractores

Tem lugar no dia 31 de Maio, no pólo de Alcobaça do Instituto Nacional de Investigação Alimentar e Veterinária (Iniav), o evento “Oficina Técnica de Mecanização – […]