Cotações – Frutos Secos – Informação Semanal – 14 a 20 Janeiro 2019

[Fonte: Agricultura e Mar - Cotações]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Alfarroba – Na região do Algarve, a oferta de alfarroba “inteira” foi iferior à procura. Bom escoamento. Subida da cotação máxima e da mais frequente. Oferta baixa e procura média pela alfarroba “grainha”. Ligeira descida da cotação máxima . Escoamento regular. A procura de alfarroba “triturado grosso” foi superior à oferta baixa. Escoamento regular. A cotação mais frequente subiu 0,01 euros .

Amêndoa – No Algarve, a oferta e a procura continuaram baixas. Escoamento fraco. Cotações estáveis. Concorrência de miolo americano que se encontra mais barato.

Noz

Noz – Na Região Norte, nas áreas de mercado Bragança, não se realizaram transações porque a oferta foi quase nula. Damos por terminada a campanha de comercialização.

No Alentejo, na área de mercado, Estremoz, a oferta equilibrou a procura baixa. Cotações estáveis.

Pinha – No Alentejo, na área de mercado Alentejo Litoral, a oferta continuou inferior à procura média. As cotações não se alteraram.

Pinhão – No Alentejo, na área de mercado Alentejo Litoral, as cotações do pinhão mantiveram-se estáveis.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo Cotações – Frutos Secos – Informação Semanal – 14 a 20 Janeiro 2019 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar - Cotações

Anterior Governo e CAP concordam com limites na divisão de terras nas heranças
Próximo Alimentaria & Horexpo 2019: áreas de exposição inovadoras
Artigostrenaciocados