Cotações – Azeite – Informação Semanal – 12 a 18 Agosto 2019

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Conjuntura semanal

Na semana em análise, não foram registadas cotações de azeite a granel.

A cotação mais frequente do azeite virgem extra em garrafão variou entre 4,00€/litro e 5,00€/litro.

A cotação mais frequente do azeite virgem extra biológico em garrafa de 0,5 litro manteve-se em 8,00€/litro.

Em Espanha, as transacções continuaram escassas e as cotações estáveis:

Jaén – Virgem extra – 2,25€/kg; Extremadura – Virgem extra – 2,25€/kg.

Comércio internacional

Nos primeiros 8 meses da campanha 2018-2019 (Outubro – Maio), tanto as exportações como as importações portuguesas de azeite virgem extra e virgem aumentaram em volume, relativamente ao período homólogo da campanha anterior, mas diminuíram em valor, o que reflectirá a baixa do preço do azeite no mercado mundial.

O nosso saldo comercial em azeite aumentou 4,8%.

SIMA

O SIMA tem como objectivos o acompanhamento do mercado de produtos agrícolas, recolhendo os dados que permitam:

  • Informar os decisores políticos, que têm a missão de acompanhar as políticas de mercado (nacionais ou comunitárias)
  • Informar o próprio mercado e os seus agentes, prestando um serviço público de regulação

Agricultura e Mar Actual

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Anterior Mudança no fim de semana.
Próximo Empresa polaca procura produtores e distribuidores de vinho

Artigos relacionados

Ofertas

Oferta de emprego – Engenheiro Zootécnico – Oliveira de Frades

Este profissional será responsável pela gestão, planeamento e acompanhamento da equipa e do trabalho na nossa exploração suinícola na zona de Oliveira de Frades. […]

Nacional

Açores inauguram parque no vulcão das Furnas: um “tesouro natural” recuperado

São 18 hectares de floresta num parque por onde passa um curso de água, com uma cascata, e que inclui as ruínas de uma casa senhorial de 1858.  […]

Sugeridas

Xylella fastidiosa. Um ano após a detecção Portugal tem 60 zonas infectadas

A Xylella fastidiosa foi detectada pela primeira vez no território nacional a 3 de Janeiro de 2019 em Vila Nova de Gaia, em plantas ornamentais, como a […]