Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 11 a 17 Março 2019

[Fonte: Agricultura e Mar - Cotações]

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas

Aves

As cotações médias nacionais do frango, vivo (de 1,8 Kg) e abatido (80% – de 5,7 a 9,8 Kg) e do peru, vivo (de 14 a 15 Kg) e abatido (80% – de 5,7 a 9,8 Kg), mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior.

Na região Centro a oferta de frango foi abundante e a procura animada nas duas áreas de mercado analisadas, Litoral Centro e Dão-Lafões.

Esta semana, a procura e o consumo apresentaram uma ligeira recuperação nas duas áreas. Apesar disso, a oferta é um pouco superior à procura.

Litoral Centro

No Litoral Centro continuam a decorrer vendas para o mercado externo. No que se refere às cotações do frango, não se registaram quaisquer alterações nas duas áreas.

Em Dão-Lafões, o frango do campo e o peru abatido mantiveram-se estáveis. No que se refere às galinhas vivas, pesadas e semi-pesadas, esta semana a tendência foi também de estabilidade de cotações nas duas áreas.

Ribatejo e Oeste

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta foi média e a procura relativamente animada. Estabilidade generalizada de cotações, quer para o frango, quer para o peru, vivos e abatidos, quer para as galinhas vivas, pesadas e semi-pesadas.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, quer na produção (ovo a peso de 60-68 g), quer classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, pautaram-se novamente pela estabilidade em relação à semana anterior.

Região Centro

Na região Centro a oferta de ovo foi relativamente abundante e a procura média nas duas áreas de mercado, Dão-Lafões e Litoral Centro, tendo a oferta aumentado em relação à semana anterior.

A relação oferta-procura começa a desequilibrar, se bem que o excedente de ovo que haja é canalizado para a exportação ou para a indústria. Estabilidade generalizada das cotações dos ovos.

Ribatejo e Oeste

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta de ovo foi relativamente abundante e a procura média.

As cotações dos ovos, quer na produção, quer classificados, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior.

Todas as cotações aqui.

Agricultura e mar Actual

Comente este artigo

O artigo Cotações – Aves e Ovos – Informação Semanal – 11 a 17 Março 2019 foi publicado originalmente em Agricultura e Mar - Cotações.

Anterior Governo apoia investimentos para travar ‘Xylella fastidiosa’ com 2 ME
Próximo CONFAGRI promove Seminário na AGRO – Braga: “Rumo à neutralidade carbónica. Agricultura: problema ou solução?”

Artigos relacionados

Dossiers

IPES-Food: es “urgente” una Política Alimentaria Común para afrontar los problemas de salud de la población

[Fonte: Agropopular – UE]

El Panel Internacional de Sostenibilidad Alimentaria (IPES-Food) ha subrayado que es “urgente” la elaboración de una Política Alimentaria Común para Europa para hacer frente a los problemas de salud de la población, la pérdida de biodiversidad y los efectos del cambio climático. […]

Dossiers

PDR2020: Abertura de Candidaturas à Operação 3.1.1. Jovens Agricultores

[Fonte: PDR2020]

Esta Operação visa aumentar a atratividade do sector a jovens investidores, através do apoio à primeira instalação na atividade agrícola, promovendo o investimento, a organização da produção e a transferência de conhecimento. A necessidade de ter uma resposta consistente para a sustentabilidade económica de primeiras instalações traduz-se numa corresponsabilização do jovem agricultor, […]

Comunicados

Syngenta lança cinco novas soluções para proteção das culturas

[Fonte: Syngenta]
A Syngenta apresenta esta campanha cinco novas soluções para controlo de pragas e doenças em vinha, fruteiras, culturas hortícolas, olival e arroz, entre as quais o COSTAR, à base de Bacillus thuringiensis, o primeiro bioinsecticida Syngenta à venda em Portugal. […]