Cotações – Aves e Ovos – 26 de abril a 2 de maio 2021

Cotações – Aves e Ovos – 26 de abril a 2 de maio 2021

Aves

Na semana em análise as cotações médias nacionais do frango, vivo (de 1,8 kg) e abatido (65% – de 1100 a 1300 g) e do peru, vivo (de 14 a 15 kg) e abatido (80% – de 5,7 a 9,8 kg), mantiveram-se novamente estáveis em relação à semana anterior.

Na região da Beira Litoral, na área de mercado da Beira Litoral, a oferta e a procura de frango foram médias. A oferta diminuiu um pouco em relação à semana passada e a relação oferta-procura encontra-se equilibrada, estando também a decorrer algumas exportações. No que se refere às cotações, apenas a referir um ligeiro decréscimo da cot. mín. do frango abatido de >1300 g (-5 cêntimos / kg).

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta de frango foi média e a procura foi relativamente animada. As cotações, do frango e do peru, vivos e abatidos, do peito e da perna, de frango e peru e das galinhas vivas, pesadas e semipesadas, não apresentaram quaisquer alterações em relação à semana anterior.

Ovos

Na semana em análise as cotações médias nacionais dos ovos, na produção (ovo a peso de 60 a 68 g) e classificados e embalados em ovotermo das classes de peso M e L, mantiveram-se estáveis em relação à semana anterior, pela 7ª semana consecutiva.

Na região da Beira Litoral a oferta de ovo foi relativamente abundante e a procura relativamente animada nas duas áreas de mercado analisadas, Dão-Lafões e Litoral Centro. A oferta aumentou em relação à semana passada em Dão-Lafões e a procura aumentou nas duas áreas, o que está relacionado com o desconfinamento, nomeadamente ao nível do canal Horeca. No Litoral Centro a relação oferta-procura equilibrou-se com a subida da procura, encontrando-se agora equilibrada nas duas áreas. As cotações dos ovos de gaiola, na produção e classificados, mantiveram-se em relação à semana passada. A oferta de ovos de solo e de ar livre foi relativamente fraca e a procura foi média e as cotações continuaram a manter-se estáveis.

Na região do Ribatejo e Oeste, na área de mercado do Ribatejo e Oeste, a oferta e a procura de ovo foram médias. Apesar da procura no mercado interno ter diminuído um pouco, a procura para exportação aumentou, pela que a relação oferta-procura está equilibrada. Estabilidade de cotações dos ovos de gaiola (a peso e classificados) e dos ovos classificados de solo e ar livre.

→ Aceda aqui às cotações ←

Comente este artigo
Anterior Bayer recebe reconhecimento especial das Nações Unidas pelo seu apoio aos pequenos agricultores, através do modelo de parceria Better Life Farming
Próximo Cotações - Coelhos - 26 de abril a 2 de maio 2021

Artigos relacionados

Ofertas

Oferta de emprego – Agrónomo ou Florestal – Técnico comercial – Barreiro

Licenciatura (agronomia ou afins , ambiente , florestal ) ou equivalente […]

Últimas

OCDE organiza webinar sobre “Economias adaptativas: estratégias para formulação de políticas resilientes” – 20 de maio

A OCDE – Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico, no âmbito da temática Inovação Rural, promove o webinar Economias adaptativas: estratégias para […]

Nacional

AR recomenda ao Governo medidas de apoio a agricultores afetados por tempestade de granizo

O parlamento aprovou hoje cinco projetos de resolução (PS, PSD, CDS, BE e PCP) que recomendam ao Governo medidas de apoio para os produtores […]