Conheça 3 “novas” culturas que podem ser rentáveis

Conheça 3 “novas” culturas que podem ser rentáveis

Artigo de opinião de Rosa Moreira, Eng.ª Agrónoma, promotora do site A Cientista Agrícola

É agricultor e está a procura de uma nova cultura para investir? Quer rentabilizar o espaço disponível da sua exploração agrícola? Não trabalha no sector, mas anda à procura de uma cultura rentável para se iniciar? Então este artigo pode ser bastante útil para si! De acordo com a Modern Farmer, estas podem ser boas alternativas de culturas  de nicho para agricultores de pequena dimensão. Confira abaixo três exemplos de opções que pode “abraçar” caso esteja numa das situações acima indicadas.

Açafrão

Esta especiaria composta por pequenos filamentos é uma das mais caras do mundo(5000 e os 10 mil dólares por 0,5 kg).  Segundo a Modern Farmer, para produzir cerca de meio quilo desta cultura são precisas, imagine-se,  cerca de 50 mil flores. Possui a vantagem de necessitar de uma reduzida área para a sua instalação e relativamente às condições edafo-climáticas para que o seu ciclo cultural se desenvolva em pleno, exige Invernos amenos e secos. No entanto, possui a grande desvantagem de ser necessária mão de obra bastante exigente e com elevado grau de profissionalismo para além de um elevado investimento inicial. O açafrão está muito em alta entre os apaixonados pela alimentação saudável (por ser  termogénico e anti-inflamatório) sendo utilizado na chamada “bebida dourada”.  Para que o organismo absorva a especiaria é necessário colocar pimenta na bebida. Acham que iriam  gostar?  Deixo-vos aqui  a receita para que possam dizer de vossa justiça.

Bebida dourada

Ingredientes:

  • 2 chávenas de bebida vegetal de aveia ou de amêndoa. Podem também usar leite de vaca ou optar apenas por água quente.
  • 1 colher de sopa de açafrão
  • 1 colher de chá de mel, para adocicar(opcional)
  • 1/2 colher de canela em pó (podem optar por pau de canela)
  • uma pitada de gengibre em pó ou fresco
  • uma pitada de pimenta preta.

Bagas de goji

Este super- fruto é produzido sobretudo  no continente asiático (principalmente na China), mas também em Portugal há agricultores a aventurarem-se nesta cultura),ver notícia.As bagas de Gogi são um fruto constituído por pequenas bagas vermelhas, que são desidratadas ao sol ou a temperaturas inferiores a 40ºC e consumidas nas formas seca e crua. De acordo com a Modern Farmer,2500 m2 de terreno agrícola utilizados para esta cultura podem trazer uma rentabilidade de quase 3000 kg do fruto em fresco, o que faz desta uma das culturas mais rentáveis e procuradas pelos empresários deste sector.

Lavanda

A lavanda é sem dúvida das culturas mais atractivas, principalmente devido às diversas utilizações comerciais que podem ser dadas através desta planta. O mercado dos cosméticos incorpora-la nas suas formulações, sobretudo em loções e óleos essenciais.

De salientar, que um dos factores que a tornam tão procurada ultimamente é o facto de ser uma planta que não tem grandes exigências edafo-climáticas, o que faz com que possa ser produzida em praticamente qualquer lugar. Se quer iniciar-se nesta cultura apenas tem de garantir que o terreno onde esta se vai desenvolver não tenha problemas de drenagem. Em climas secos, deve ser utilizada a rega para garantir o bom  crescimento e desenvolvimento da cultura. Possui também a vantagem de não ter grandes necessidades nutricionais, pelo que pode poupar em questões da fertilização.

A Cientista Agrícola

Comente este artigo
Anterior A financeirização da agricultura, o caso de Alqueva - Francisco Palma
Próximo Ministro da Agricultura defende olival intensivo com dados desactualizados

Artigos relacionados

Dossiers

Assinatura de protocolos das linhas de crédito para apoio aos incêndios 2017

[Fonte: IFAP]
Realizou-se no dia 03 de janeiro, nas instalações do IFAP, na Rua Castilho, a Assinatura do Protocolo das Linhas de Crédito Garantidas para comercialização de madeira queimada de resinosas e para parqueamento de madeira de resinosas, […]

Nacional

Associação de Agricultores da Madeira recebe até nove mil euros para estudo de doença na batata-doce

[Fonte: O Jornal Económico]

A Associação de Agricultores da Madeira pode receber até 9,1 mil euros do Governo Regional para estudo de doença na bata-doce.
Esta associação está a desenvolver um programa técnico-científico para melhoria fitossanitária da base vegetal dos cultivos hortículas mais importantes da Madeira, […]

Dossiers

Los precios de la patata se disparan un 433% al finalizar la campaña

[Fonte: Agropopular – Cotações]

Esta semana ha dejado de cotizar la patata en la Lonja de León al no haber ya existencias en manos de los agricultores. Los precios subieron 20 euros en Agria que se paga a 390 euros por tonelada y en Hermes que cotiza a 310 euros. […]