Conclusões do projeto AgroMeg apresentadas em Seminário

Em análise estarão os fatores críticos de competitividade e oportunidades de inovação na fileira agroalimentar da margem esquerda do Guadiana

É já no próximo dia 20 de março que terá lugar, no Cineteatro Municipal de Serpa, o Seminário do Projeto AgroMEG. Será a oportunidade para partilhar experiências e lançar o debate sobre os “fatores críticos de competitividade e oportunidades de inovação na fileira agroalimentar da margem esquerda do Guadiana.” Deste modo, far-se-á uma análise às principais conclusões do projeto, contando, igualmente, com a participação de intervenientes que se debruçarão sobre temáticas como a internacionalização e a inovação para as PME agroalimentares, entre outras.

Iniciativa inserida no âmbito do Projeto Agromeg – Qualificação das PME Agroalimentares da Margem Esquerda do Guadiana, que é copromovido pela ADPM Mértola, ANJE Alentejo, Aproserpa e INIAV, IP, conta com o apoio da Câmara Municipal Serpa e é cofinanciado pelo Alentejo 2020, Portugal 2020 através do FEDER.

Conheça o programa aqui.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior Governo altera regime de apoios do Programa Nacional de Regadios
Próximo Servagronis passa a representar FMC Agricultural Solutions

Artigos relacionados

Últimas

Mais de mil hectares já foram rearborizados no Pinhal de Leiria

[Fonte: Sapo] O presidente do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), Nuno Banza, afirmou hoje que já foram rearborizados 1.039 hectares de um total de cerca de 2.500 do Pinhal do Rei, […]

Sugeridas

Prémio Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola está de volta

O Crédito Agrícola procura projectos inovadores que promovam a optimização dos recursos biológicos ou uma alimentação e uma produção agrícola, agroalimentar e florestal mais […]

Últimas

“Mais de 90% dos municípios” têm planos de defesa da floresta eficazes, garante MAI

O ministro da Administração Interna garante que mais de 90% dos municípios em Portugal têm planos de defesa da floresta contra incêndios eficazes. […]