Comissão autoriza dez produtos geneticamente modificados

Comissão autoriza dez produtos geneticamente modificados

[Fonte: Comissão Europeia] A Comissão autorizou dez organismos geneticamente modificados: sete para utilização em géneros alimentícios e alimentos para animais (algodão, vários milhos e soja), duas renovações também para a alimentação humana e animal (colza e milho) e autorizou ainda um cravo como flor de corte ornamental.

Todos estes organismos geneticamente modificados passaram por um rigoroso procedimento de autorização, incluindo uma avaliação científica favorável da Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos (EFSA).

O cultivo das espécies não é autorizado.

As opiniões de todos os Estados-Membros foram devidamente tidas em conta. As autorizações são válidas por um período de 10 anos e quaisquer produtos produzidos com estes organismos geneticamente modificados serão objeto das estritas regras da UE em matéria de rotulagem e rastreabilidade.

Comente este artigo
Anterior Syngenta reforça parceria com Fertiprado para novas soluções Operation Pollinator
Próximo População contesta instalação de refinaria de bagaço de azeitona em Trancoso

Artigos relacionados

Últimas

Projeto prevê produzir biocombustível avançado com resíduos da poda de árvores

Um projeto de aproveitamento de resíduos das podas de vinhas e árvores de fruto na produção de biocombustível avançado está a ser […]

Últimas

Oferta de emprego – AUCHAN – Lisboa

AUCHAN PORTUGAL HIPERMERCADOS no âmbito da sua Estratégia de Gestão do Capital Humano está a promover Estágios Profissionais através do programa do IEFP destinado a Jovens com formação superior.

Comunicados

PSD quer explicações sobre apoios do PDR2020

Um dos casos mais preocupantes é o da Quinta das Amoras em Idanha-a-Nova, afetada por uma intempérie em dezembro de 2017, […]