Comércio UE-EUA: Comissão Europeia recomenda a resolução de um litígio de longa data no âmbito da OMC

Comércio UE-EUA: Comissão Europeia recomenda a resolução de um litígio de longa data no âmbito da OMC

A Comissão decidiu hoje solicitar um mandato ao Conselho para debater com os Estados Unidos a revisão do funcionamento do contingente existente para a importação na União Europeia de carne de bovino não tratada com hormonas.

A Comissão Europeia comprometeu-se a respeitar a letra e o espírito da declaração conjunta acordada em 25 de julho pelos presidentes Jean-Claude Juncker e Donald Trump para lançar uma nova fase nas relações comerciais entre a União Europeia e os Estados Unidos. Para além da implementação dos elementos específicos identificados na declaração conjunta, as duas partes devem igualmente envidar esforços com vista à resolução das questões comerciais pendentes.

O Comissário responsável pela Agricultura, Phil Hogan, declarou: «Ao solicitar este mandato ao Conselho, a Comissão está a respeitar um compromisso assumido no início do ano no sentido de dar resposta às preocupações expressas pelos Estados Unidos sobre o funcionamento do contingente com uma solução mutuamente satisfatória e plenamente conforme às regras da OMC. Ao tomar esta iniciativa, estamos igualmente a contribuir para a atenuação das tensões transatlânticas, em linha com o acordo alcançado pelo Presidente Juncker no mês de julho. No momento em que transmitimos a proposta ao Conselho, quero garantir aos produtores europeus que o contingente de carne de bovino já existente ao abrigo do memorando de entendimento permanecerá exatamente ao mesmo nível. Gostaria ainda de tranquilizar os nossos consumidores garantindo-lhes que o referido contingente continuará a aplicar-se unicamente aos produtos que respeitam as rigorosas normas europeias em matéria de saúde e segurança alimentar, tratando-se, neste caso, apenas de carne de bovino não tratada com hormonas.»

Na proposta ao Conselho, a Comissão sugere atribuir aos Estados Unidos uma parte do atual contingente que está igualmente disponível para os exportadores de outros países.*

Em 2009, a União Europeia e os Estados Unidos celebraram um memorando de entendimento, revisto em 2014, que previa uma solução provisória para um litígio de longa data no âmbito da OMC relativo à utilização de determinadas hormonas de crescimento na produção de carne de bovino. Em virtude do acordo, a UE abriu um contingente de 45 000 toneladas de carne de bovino não tratada com hormonas destinado a fornecedores qualificados, nos quais se incluem os Estados Unidos.

A revisão do memorando de entendimento foi solicitada em 2016 pela administração norte-americana anterior e, desde então, as duas partes têm abordado com regularidade as preocupações expressas pelos EUA relativamente à aplicação do memorando de entendimento. O mandato de negociação visa responder a estas preocupações e encontrar uma solução mutuamente satisfatória em conformidade com as regras da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Contexto

Na declaração conjunta de 25 de julho, o Presidente Jean-Claude Juncker e o Presidente Donald Trump acordaram «iniciar uma nova fase nas relações entre os Estados Unidos e a União Europeia», que passa pela adoção de uma série de medidas específicas. A Comissão Europeia tem seguido ativamente os vários elementos da declaração e procurado encontrar soluções, nomeadamente no que respeita ao aumento do comércio de sementes de soja e ao gás natural liquefeito (GNL).

Para mais informações

Recomendação de decisão do Conselho que autoriza a abertura de negociações com vista à celebração de um acordo com os Estados Unidos da América relativo à importação de carne de bovino de alta qualidade proveniente de animais não tratados com certas hormonas de crescimento

*Atualização em 11.10.2018 às 17h10.

O artigo foi publicado originalmente em Comissão Europeira.

Comente este artigo
Anterior Oferta de Emprego – Agrónomo – Évora / Estremoz
Próximo A crise do leite e os salários milionários da lactogal - Carlos Neves

Artigos relacionados

Últimas

Corticeira Amorim é membro fundador da Sustainable Wine Roundtable

Global, independente e autossuficiente, a recém-criada estrutura pretende estabelecer um padrão de sustentabilidade universal para o vinho. Um objetivo que contará com a colaboração […]

Comunicados

Crédito Agrícola presente na Fruit Logística 2017

O Grupo Crédito Agrícola, em parceria com a Associação Portugal Fresh, marca presença, pelo quarto ano consecutivo, na Fruit Logistica, a maior feira de comércio do sector hortofrutícola do mundo, […]

Comunicados

Artigos de opinião mais lidos no Agroportal em 2020

Estes foram os artigos de opinião mais lidos pelos leitores do Agroportal em 2020. Saiba quais foram os artigos mais lidos e releia o nosso top 7. […]