CICYTEX lança guia de boas práticas para a “dehesa” e o montado

CICYTEX lança guia de boas práticas para a “dehesa” e o montado

O Centro de Investigações Científicas e Tecnológicas de Extremadura (CICYTEX), através de uma equipa de trabalho do Instituto da Cortiça, Madeira e Carvão Vegetal, coordenou a elaboração de um guia de boas práticas no qual são recolhidas medidas de gestão recomendadas que poderiam aumentar a rentabilidade da “dehesa” e do seu equivalente em Portugal, o montado.

São propostas de especialistas de diferentes áreas de investigação que estudaram durante vários meses as condições de uma exploração agrícola específica, localizada no Parque Natural do Cornalvo (Badajoz).

As questões refletidas no guia referem-se à qualidade e conservação do solo, à influência da mobilização do solo nas árvores e à gestão e melhoria das pastagens.

É igualmente importante ter o cuidado cultural adequado para incentivar a preservação e a regeneração das árvores jovens e adultas, a caça e a Política Agrícola Comum (PAC) neste ecossistema. É especialmente preocupante a incidência de doenças e pragas, com particular atenção para o Phytophthora cinnamomi, responsável pelo mal de seca e o inseto Cerambyx welensii, que provoca graves danos às azinheiras e, sobretudo, aos sobreiros.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior Legislação europeia dificulta proteção biológica das culturas
Próximo Há dinâmica, juventude e inovação na produção de prunóideas

Artigos relacionados

Nacional

ADP Fertilizantes lançou recentemente no mercado o ADP NERGETIC Dynamic S+

A ADP Fertilizantes lançou recentemente no mercado o ADP NERGETIC Dynamic S+ (DS+), respondendo à tendência de crescimento da procura de adubos azotados combinados com enxofre e protegidos.

Últimas

PDR 2020: envelope de 7,5 milhões para a fruticultura está “muito abaixo das expetativas”

Comente este artigo
#wpdevar_comment_4 span,#wpdevar_comment_4 iframe{width:100% !important;}O artigo foi publicado originalmente em Vida Económica. […]

Nacional

Maiores incêndios do verão devastaram a região Centro


Os seis maiores incêndios registados este ano foram responsáveis por quase metade da área ardida em território nacional, segundo os dados do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). […]