Calier retira do mercado lotes do medicamento veterinário Ivertin 10 mg/ml

A Calier Portugal informou a DGAV — Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária de que, no decorrer de ensaios de estabilidade em uso, foram detectados resultados fora das especificações em alguns lotes do medicamento veterinário Ivertin 10 mg/ml solução injectável para bovinos, ovinos e caprinos.

Assim, a empresa iniciou a recolha desses lotes em toda a cadeia de distribuição até ao nível dos médicos veterinários.

Medida de precaução

Esta medida de precaução é implementada na sequência de resultados fora das especificações, nos ensaios de estabilidade em uso, por menor conteúdo de ivermectina e aumento de impurezas totais antes do fim do prazo de validade dos lotes em causa.

Trata-se de uma recolha de Classe II para os lotes abaixo listados e está a ser realizada em toda a cadeia de distribuição até ao nível dos médicos veterinários. Os detentores de embalagens deste medicamento veterinário devem devolver as embalagens ainda em seu poder ao respectivo fornecedor.

Caso tenha alguma dúvida ou preocupação sobre este assunto, ou queira notificar este defeito, por favor contactar a Calier Portugal através do telefone 219 248 140 ou do endereço electrónico [email protected].

Os lotes do medicamento veterinário em causa são os seguintes:

  • 1702225S03;
  • 1706193S01;
  • 1707271S01;
  • 1711283S03;
  • 1711287S01;
  • 175016ZS02;
  • 175016ZS03;
  • 175023ZS05;
  • 175023ZS08;
  • 175023ZS10;
  • 175023ZS13;
  • 175023ZS14;
  • 175023ZS18;
  • 175023ZS20;
  • 175023ZS21;
  • 175023ZS23;
  • 175023ZS25;
  • 1804169S01.

A Calier é a empresa do Grupo Indukern dedicada à pesquisa, desenvolvimento, fabricação e comercialização de produtos farmacológicos e biológicos para uso veterinário em animais de produção e comerciais.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Açores vão formar mais de 200 agricultores e criadores cabo-verdianos
Próximo A regulamentação europeia para os OGM, Eugénia de Andrade - 18 de novembro - Lisboa

Artigos relacionados

Últimas

Corticeira Amorim distinguida com Prémio Nacional de Agricultura 2018

António Rios de Amorim recebeu o Prémio Nacional de Agricultura 2018, na categoria Grandes Empresas, entregue pelo Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação, […]

Últimas

A agricultura familiar, a mulher e o futuro…

(Artigo publicado na edição de Março por Victor Lamberto, Ruralentejo e Slow Food Alentejo)
A Agricultura Familiar
Ao declararem 2014 Ano Internacional da Agricultura Familiar, […]

Sugeridas

Governo apela a supers para escoar queijo e carne de pequenos produtores

Encerramento dos restaurantes e hotéis fechou principal canal de escoamento dos pequenos produtores de queijo e de carne autóctone como cabrito. […]