“É consensual que os bioestimulantes são uma das armas futuras para o desenvolvimento agrícola”

“É consensual que os bioestimulantes são uma das armas futuras para o desenvolvimento agrícola”

Vasco Neves, gestor de vendas da FertiPower

Até agora tem-se apostado em incrementar fatores de produção, melhoria genética das plantas, (…) mas tudo isso tem limitações. O que não foi desenvolvido foi a eficácia da planta e é aí que trabalham os bioestimulantes, com a vantagem de não representarem mais consumo de recursos.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior “Hoje estamos ajustados aos desafios modernos”
Próximo DGAV publica Catálogo Nacional de Variedades de Espécies Agrícolas e Hortícolas

Artigos relacionados

Nacional

Mais de 200 bombeiros e nove meios aéreos combatem fogo em Abrantes

Um incêndio está a consumir uma zona de floresta em Abrantes, no distrito de Santarém, avança a Autoridade Nacional de Proteção Civil. […]

Últimas

Oferta de estágio – Engenheiro Agrónomo – Área de Estudos e Estratégia – Lisboa

A Consulai está a recrutar um novo membro para a Área de Estudos e Estratégia, enquadrado num estágio profissional IEFP. […]

Notícias inovação

If the Commission believes in its own report on NGTs then it must act quickly on the subject, time is short!

Copa and Cogeca welcome the main conclusions of the study requested by the European Council in 2019 and carried out by the European Commission on Novel Genomic […]