“É consensual que os bioestimulantes são uma das armas futuras para o desenvolvimento agrícola”

“É consensual que os bioestimulantes são uma das armas futuras para o desenvolvimento agrícola”

Vasco Neves, gestor de vendas da FertiPower

Até agora tem-se apostado em incrementar fatores de produção, melhoria genética das plantas, (…) mas tudo isso tem limitações. O que não foi desenvolvido foi a eficácia da planta e é aí que trabalham os bioestimulantes, com a vantagem de não representarem mais consumo de recursos.

O artigo foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Comente este artigo
Anterior “Hoje estamos ajustados aos desafios modernos”
Próximo DGAV publica Catálogo Nacional de Variedades de Espécies Agrícolas e Hortícolas

Artigos relacionados

Últimas

FENAREG participa em Conferência Europeia para acelerar Inovação na gestão da Água

A FENAREG participa na 5ª Conferência Europeia sobre Inovação na Água (EU Water Innovation Conference 2019) […]

Últimas

Uruguai usa vespas no controle biológico de lagartas na soja e girassol

A Direção Geral de Serviços Agrícolas (DGSA) do Ministério da Agricultura do Uruguai registrou no final do ano de 2018 um novo agente biológico para o controle de lagartas na soja e no girassol. […]

Cotações PT

Cotações – Hortícolas – Informação Semanal – 14 a 20 Janeiro 2019

Análise SIMA – Sistema de Informação de Mercados Agrícolas
Mercados de produção
Abóbora – Na região Norte, na área de mercado Entre Douro e Minho, […]