Batata Doce – BDMira

Batata Doce – BDMira

Para o aumento da produtividade da batata-doce ‘Lira’ no Perímetro de Rega do Mira (PRM), pretende-se incentivar os viveiristas e produtores a utilizarem um modelo de produção/dinâmica organizacional recorrendo a uma nova tecnologia inovadora de propagação de plantas isentas de vírus e outras doenças e a tecnologias de produção e conservação melhor adaptadas a condições edafoclimáticas e modo de produção.

Os 2 projetos-pilotos complementares ‘Batata-doce no PRM: desenvolvimento de tecnologias de produção de material de propagação isento de vírus e outras doenças’ e ‘Batata-doce no PRM: desenvolvimento de tecnologias de produção sustentável’, preveem a instalação de ensaios de produção com plantas isentas de vírus e com tecnologias de produção e conservação sustentáveis e inovadoras (densidade de plantação, planos de fertilização e de rega, proteção integrada, colheita mecânica com protótipo e pulverização das raízes com extratos de plantas aromáticas ou fumigação de óleos essenciais).

O projecto tem como objectivos gerais: fornecer à fileira outputs que fomentems o aumento de produtividade e qualidade das raízes no Perímetro de Rega do Mira (PRM); desenvolver metodologias inovadores de multiplicação (in vitro e em estufa) de material de propagação de elevada qualidade (isento de vírus e outras doenças), para transferência para a actividade viveirista; e desenvolver metodologias e tecnologias de produção sustentável de raízes para transferência para os produtores.

Projeto desenvolvido em parceria pelas seguintes entidades: AHSACV – Associação de Horticultores do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina; ASF Portugal, Unipessoal, Lda.; Gemusering Portugal Produção Hortícola, Lda.; Instituto Politécnico de Santarém

→Consulte aqui o poster sobre o projecto BDMira←

 

Comente este artigo
Anterior Tecnologia e inovação marcaram a Feira Nacional de Agricultura
Próximo UE continua a liderar o comércio de produtos agroalimentares a nível mundial

Artigos relacionados

Sugeridas

Portugal reduziu voluntariamente produção de leite em 24%

Portugal reduziu voluntariamente em 24% a produção de leite entre outubro e dezembro de 2016, no âmbito do programa lançado pela Comissão Europeia para fazer face à crise no setor, segundo dados divulgados esta quinta-feira.
De acordo com dados da Comissão Europeia, 43.968 mil agricultores de toda a União Europeia (UE) — 912 em Portugal — aderiram ao programa de redução voluntária de produção de leite, lançado em julho de 2016 e que resultou numa quebra de 851.700 toneladas, numa média de 19 toneladas por agricultor.

Sugeridas

Continúa la tendencia alcista en cereales: repuntes de hasta 5 €/tn

[Fonte: Agropopular]
Los precios de los cereales en las principales lonjas españolas han continuado con la tendencia alcista que arrastran desde mediados de abril, cuando se empezaban a vislumbrar las consecuencias que estaba teniendo la sequía sobre los cultivos en las principales zonas productoras de España. […]

Internacional

El pistacho y la almendra se valoran “muy bien fuera de España”

[Fonte: Agropopular]

Luis Antonio Santiago, productor de pistacho en Tembleque (Toledo) intervino en Agropopular -emisión del 30 de septiembre- para hacer balance de la campaña de este producto.
“Estamos al 75% de la recolección, vamos a acabar en diez días”. Aseguró que la campaña no ha sido “mala” a pesar de la sequía, […]