Batata Doce – BDMira

Batata Doce – BDMira

Para o aumento da produtividade da batata-doce ‘Lira’ no Perímetro de Rega do Mira (PRM), pretende-se incentivar os viveiristas e produtores a utilizarem um modelo de produção/dinâmica organizacional recorrendo a uma nova tecnologia inovadora de propagação de plantas isentas de vírus e outras doenças e a tecnologias de produção e conservação melhor adaptadas a condições edafoclimáticas e modo de produção.

Os 2 projetos-pilotos complementares ‘Batata-doce no PRM: desenvolvimento de tecnologias de produção de material de propagação isento de vírus e outras doenças’ e ‘Batata-doce no PRM: desenvolvimento de tecnologias de produção sustentável’, preveem a instalação de ensaios de produção com plantas isentas de vírus e com tecnologias de produção e conservação sustentáveis e inovadoras (densidade de plantação, planos de fertilização e de rega, proteção integrada, colheita mecânica com protótipo e pulverização das raízes com extratos de plantas aromáticas ou fumigação de óleos essenciais).

O projecto tem como objectivos gerais: fornecer à fileira outputs que fomentems o aumento de produtividade e qualidade das raízes no Perímetro de Rega do Mira (PRM); desenvolver metodologias inovadores de multiplicação (in vitro e em estufa) de material de propagação de elevada qualidade (isento de vírus e outras doenças), para transferência para a actividade viveirista; e desenvolver metodologias e tecnologias de produção sustentável de raízes para transferência para os produtores.

Projeto desenvolvido em parceria pelas seguintes entidades: AHSACV – Associação de Horticultores do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina; ASF Portugal, Unipessoal, Lda.; Gemusering Portugal Produção Hortícola, Lda.; Instituto Politécnico de Santarém

→Consulte aqui o poster sobre o projecto BDMira←

 

Comente este artigo
Anterior SIAL Paris, 2018
Próximo Oferta de Emprego - Engenheiro Zootécnico (M/F) - Lourinhã

Artigos relacionados

Dossiers

Syngenta cresce acima do mercado português nos fitofármacos

O mercado nacional de produtos fitofarmacêuticos cresceu 2,6% em 2017, mas a Syngenta superou este resultado, com um crescimento de 10,2%, sustentado pelo bom desempenho dos inseticidas e dos fungicidas. A ambição da empresa é reforçar a sua quota de mercado em Portugal, contando para isso com um pipeline de produtos “revolucionários”. […]

Sugeridas

TOP 12 apurado nos Ateliers de Inovação

Os Ateliers de Inovação terminaram e já estão apurados os 12 finalistas para a categoria de Inovação em Colaboração do Prémio Crédito Agrícola.

Sugeridas

AGRO.GES marca presença na Conferência Internacional – O Desafio da Sustentabilidade Agroalimentar em Angola 2020-30

A AGRO.GES esteve presente na Conferência Internacional “O Desafio da Sustentabilidade Agroalimentar em Angola 2020-30”.
Este evento, organizado pela ASM – Angola School of Management, realizou-se nos dias 23 e 24 de Novembro, no Auditório da ASM, na Cidade Financeira, em Talatona, Luanda, e contou com a presença de vários oradores, […]