Azeite. Apurados os dados, quebra foi de 30%

Azeite. Apurados os dados, quebra foi de 30%

[Fonte: Voz do Campo]

A Divisão de Estatística do Gabinete de Planeamento, Políticas e Administração Geral acaba de divulgar os resultados dos inquéritos aos lagares de azeite e aos industriais de azeitona de mesa, da campanha 2018-2019.

Em ano de contrassafra e com condições meteorológicas adversas (2018), os resultados do inquérito realizado mensalmente pelo SIAZ – Sistema de Informação do Azeite e Azeitona de Mesa – , mostra uma quebra de 30% na produção de azeite na campanha 2018-2019, relativamente à campanha anterior. Apesar disto, a produção é superior em 4% à produção média das últimas quatro campanhas.
Esta quebra acentuada resultou da quebra de 15% na quantidade de azeitona laborada, conjugada com a diminuição de 17% no rendimento da azeitona.
Recorde-se que na campanha 2017-2018 tinha sido atingido um máximo histórico de produção.
No caso da azeitona de mesa, e com base nos inquéritos àqueles industriais, no ano de ano de 2017 tinha sido atingido um volume máximo histórico na produção de azeitona em Portugal. Já 2018, além de ser ano de contrassafra, registou condições meteorológicas adversas para a produção de azeitona. Considerando que 10% da azeitona colhida para conserva não entrou na indústria, mas foi autoconsumida ou conservada artesanalmente, a estimativa é que em 2018, o volume total de azeitona colhida para conserva nos olivais portugueses caiu 12%, em relação a 2017, rondando as 22 mil toneladas.

Comente este artigo

O artigo Azeite. Apurados os dados, quebra foi de 30% foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior “O maior desafio é garantir a sustentabilidade ambiental do nosso planeta”, destaca Sara Cerdas
Próximo Regantes defendem que produtividade económica da água deve ser prioridade nos futuros apoios da PAC

Artigos relacionados

Nacional

“A Ovibeja consegue aliar o mundo rural às novas tecnologias”

[Fonte: Voz do Campo]

Claudino Matos, ACOS
Hoje a Ovibeja é um certame de cariz único no sentido da sua génese porque consegue aliar o mundo rural às novas tecnologias que vão surgindo, ao potencial de produção (…) , […]

Sugeridas

Com a seca instalada no país, a reutilização dos esgotos pode matar a sede aos campos

Não é apenas o lixo que é reutilizável, a água residual tratada também pode ser. Poucos dias após a aprovação do Plano de Prevenção e Acompanhamento dos Efeitos da Seca, a associação ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável defende a crescente aposta na reutilização das águas residuais das estações de tratamento para combater a seca e o desperdício de água. […]

Nacional

Regime de apoio associado – Prémios animais

No âmbito do regime de apoio associado, já se encontra disponível, até ao dia 31 de dezembro de 2017, o formulário para manifestação de intenção de candidatura para os prémios por vaca em aleitamento, por vaca leiteira e por ovelha e cabra, […]