Atenção: Inspeção obrigatória de pulverizadores

Atenção: Inspeção obrigatória de pulverizadores

[Fonte: DGAV] A DGAV alerta para  obrigatoriedade de inspeção dos equipamentos de aplicação de produtos fitofarmacêuticos de uso profissional, em cumprimento do disposto no Decreto Lei n.º 86/2010, de 15 de julho. O não cumprimento desta obrigação constitui uma contraordenação punível com COIMA e, em função da gravidade, podem ser ainda aplicadas sanções acessórias.

As inspeções são realizadas pelos Centros de Inspeção Periódica de Pulverizadores de Produtos Fitofarmacêuticos (Centros IPP) reconhecidos pela DGAV.

Para mais informação consulte neste portal a página: Inspeção Periódica Obrigatória 

Comente este artigo
Anterior Incêndios: Polícia Judiciária detém ex-bombeiro suspeito de atear fogo em Condeixa-a-Nova
Próximo Macfrut 2020 realiza-se de terça a quinta - 5 a 7 de maio - Itália

Artigos relacionados

Últimas

Suinicultura portuguesa poderá chegar aos 600 milhões de euros em 2017

A Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores (FPAS) realizou ontem à tarde, em Torres Vedras, uma conferência de imprensa, antecipando a segunda edição da Gala d’Porco que terá lugar na cidade no próximo dia 24 de novembro, […]

Comunicados

Syngenta procura visão partilhada para o futuro da agricultura sustentável

Empresa compromete-se com os stakeholders na construção de uma visão partilhada para o futuro da agricultura sustentável
Considerando o importante papel que as modernas tecnologias agrícolas podem desempenhar
Sessões de consulta em todo o mundo para informar e construir consenso e identificar áreas-chave de atuação

A Syngenta inicia este mês de Setembro, […]

Comunicados

UTPs Directive: EU institutions reached an agreement to protect actors of the food supply chain

Press release 
Brussels, December 19th
At the end of a sixth and final trilogue procedure, the European Parliament and the Council, on December the 19th reached an agreement on the Directive to combat Unfair Trade Practices in the agri and food supply chain. […]