Área de milho aumenta em Portugal e reverte tendência das últimas três campanhas agrícolas

Área de milho aumenta em Portugal e reverte tendência das últimas três campanhas agrícolas

Numa altura em que o sector dos cereais atravessa uma das suas crises mais sérias, fruto dos baixos preços pagos à produção, a forte dinâmica e vitalidade que caracteriza a fileira do milho em Portugal, levou a um aumento da sua área semeada.

Efectivamente e segundo os dados provisórios do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (Ifap) e da Direcção Regional de Agricultura dos Açores (Draca), a que a ANPROMIS teve recentemente acesso, a cultura do milho ocupa actualmente no nosso país uma área de 118 220 hectares. Desta superfície, 70 078 hectares destinam-se à produção de grão e 48 142 hectares à produção de silagem.

Em relação aos anos anteriores, inverteu-se a tendência de decréscimo que se verificou nas últimas três campanhas, tendo havido um aumento de 2 553 hectares relativamente a 2017.

Na opinião da Anpromis, este aumento deve-se a dois factores essenciais – redução da área de certas culturas arvenses de regadio e valorização da produção nacional de milho grão, que se traduziu numa maior procura por parte da indústria agro-alimentar.

(Fonte: Ifap/Draca/Anpromis)

Analisando os dados por Direcção Regional de Agricultura, a maior área de milho continua a verificar-se no Norte (42 499ha), seguindo-se o Centro (26 206ha), Lisboa e Vale do Tejo (22 828ha), Alentejo (14 447ha), Açores (12 232ha) e Algarve (42ha).

Área de milho por Direcção Regional de Agricultura (ha) – 2018

Por Distrito, a maior área de milho (grão e silagem) localiza-se em:

  • Santarém: 19.507ha
  • Braga: 15.756ha
  • Porto: 13.303ha

A nível do Concelho a maior área de milho (grão e silagem) localiza-se em:

  • Barcelos (6.382ha)
  • Vila do Conde (4.638ha)
  • Golegã (3.790ha)
Comente este artigo
Anterior Está na hora de as Empresas Agrícolas terem um DA? - Nuno Góis
Próximo Crédito Agrícola Promove Passatempo com a MasterCard

Artigos relacionados

Nacional

Economia circular e combate ao desperdício do continente são premiados

O projeto Transformar.te do Continente acaba de receber o Galardão de melhor projeto do Food and Nutrition Awards (FNA), na categoria de sustentabilidade, vendo assim premiado o seu esforço de transformação de desperdício em oportunidades.
O projeto Transformar.te consiste em reduzir, reutilizar e reciclar desperdícios alimentares decorrentes da atividade do Continente. […]

Nacional

Oídio: UE não renova autorização para fungicidas com quinoxifena. Vendas só até 27 de Setembro de 2019

[Fonte: Agricultura e Mar]
A substância activa quinoxifena, usada em fungicidas, não conseguiu a renovação de autorização por parte da Comissão Europeia. Em Portugal, os fitofarmacêuticos com quinoxifena não podem ser comercializados após 27 de Setembro de 2019.
A quinoxifena está presente, principalmente, […]

Sugeridas

Miguel Freitas chega a secretário de Estado a meio da reforma da floresta

Costa foi buscar um segurista, antigo director-geral do Desenvolvimento Rural, para concretizar uma das suas reformas estruturais.