Área de cereais de Inverno decresce pelo sétimo ano consecutivo

Área de cereais de Inverno decresce pelo sétimo ano consecutivo

As sementeiras dos cereais praganosos, em particular as de cevada (o cereal de Inverno com sementeira mais tardia), foram concluídas, ao longo do mês de Fevereiro. Prevê o Instituto Nacional de Estatística (INE), no seu Boletim Mensal da Agricultura e Pescas – Março de 2020, pelo sétimo ano consecutivo, uma redução da área instalada destas culturas, sendo que o trigo duro, em termos relativos, terá a maior diminuição (-15%, face à campanha anterior), seguido do triticale e da cevada (-10%) e do trigo mole e da aveia (-5%). O centeio deverá manter a superfície semeada de 2019 (16 mil hectares).

De referir que os 106 mil hectares previstos nesta campanha são o resultado mais baixo desde que há registos estatísticos sistematizados (1918) e correspondem a cerca de 1/8 da área semeada nos primeiros anos (1986-1990) da adesão de Portugal à União Europeia (UE).

Fevereiro quente acelera desenvolvimento vegetativo dos cereais de Outono/Inverno

Acrescentam os técnicos do INE que as germinações dos cereais de Inverno foram boas, particularmente nas searas que foram semeadas mais tarde, que apresentam povoamentos regulares.

As baixas temperaturas da primeira quinzena de Janeiro promoveram o enraizamento e o afilhamento e as temperaturas anormalmente elevadas de Fevereiro conduziram a um avanço no desenvolvimento vegetativo, adiantando o ciclo em cerca de duas semanas face ao habitual (a maioria das searas já se encontra na fase do encanamento).

Não existiram limitações à realização das adubações de cobertura em tempo oportuno, se bem que, em resultado da escassa precipitação, o aporte nutricional ainda não tenha sido significativo. Estima-se um rendimento unitário de 1,27 toneladas por hectare para a aveia (o cereal mais precoce), semelhante ao registado na campanha anterior.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Portugueses retidos deixam Argentina sem ajuda do Estado português
Próximo Boletim Mensal da Agricultura e Pescas - Março de 2020

Artigos relacionados

Últimas

Central Senepol LAB FIV amplia operações

Lançada há apenas três anos pelos empresários Aluisio Favaro e Wanderley Zucoloto, a Central Senepol LAB FIV projeta um crescimento acima da média, […]

Dossiers

Divergencias en los precios en origen del aceite de oliva

Los precios en origen del aceite de oliva se mantuvieron en niveles similares a los de la última semana, cerrándose operaciones en extra a 2.275 euros, […]