Alqueva está com tanta água como as 34 barragens espanholas no Guadiana

Alqueva está com tanta água como as 34 barragens espanholas no Guadiana

Chuvas de Fevereiro deixaram as albufeiras portuguesas bem abastecidas. No Alqueva, há praticamente a mesma quantidade de água que os espanhóis conseguiram armazenar no seu lado da bacia do Guadiana.

A chuva do Inverno que agora acabou deixou Portugal numa situação confortável em relação à água que guardou nas suas barragens. No Sul, onde há sempre mais preocupações com a disponibilidade hídrica, o Guadiana foi generoso em território português e até o Sado deixa os utilizadores um pouco mais sossegados do que tem sido hábito nos últimos anos.

A Primavera está a começar e as contas à água represada na bacia internacional do Guadiana, estão feitas. No dia 22 de Março, a soma do volume de água existente nas 34 barragens instaladas em território espanhol, atingia os 3.884 milhões de metros cúbicos, quando podem receber 9.438 milhões de metros cúbicos de água. No mesmo dia, nas nove albufeiras instaladas na bacia hidrográfica em território português, a reserva de água atingia os 4.133 milhões de metros cúbicos, superando em quase 250 milhões de metros cúbicos o volume concentrado na bacia espanhola. Das nove barragens distribuídas por esta bacia do Guadiana, cinco atingiram o nível de pleno enchimento (100%).

Só na albufeira do Alqueva, a disponibilidade hídrica era praticamente idêntica à que se observa no outro lado da fronteira: 3.780 milhões de metros cúbicos, 91% da sua capacidade máxima de 4.150 milhões de metros cúbicos.

O contraste é ainda mais flagrante em relação às maiores barragens espanholas instaladas na bacia do Guadiana: La Serena, “o Alqueva espanhol”, tem apenas 19% quando pode armazenar 3.219 milhões de metros cúbicos. Cijara está nos 33,7% da sua capacidade máxima de 1.505 metros cúbicos e a albufeira de Alange com 24,2% dos 878 milhões de metros cúbicos que pode armazenar. Estas três barragens

Continue a ler este artigo no Público.

Comente este artigo
Anterior Outros encontros com a polícia 🚓🚔
Próximo Frio e geada podem pôr em causa produção de amêndoa este ano

Artigos relacionados

Nacional

São Pedro do Sul investe 34 ME em plano de 10 anos para defesa da floresta

Está em vigor no concelho de São Pedro do Sul o novo Plano Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios, para 10 anos, com um investimento superior a 34 milhões de euros […]

Últimas
Nacional

DGPC propõe despachos de inventariação para preservar património arqueológico

A Direção-Geral do Património Cultural (DGPC) vai propor à ministra da Cultura a elaboração de despachos que permitam inventariar o património arqueológico não classificado, tendo em vista a sua preservação, disse hoje o diretor- […]