Ainda faltam 20 meios aéreos para combate aos fogos

Com a entrada em julho, começou a fase mais crítica do ano no combate e prevenção dos fogos florestais. Dos 60 aviões e helicópteros que deviam estar operacionais, 20 estão ainda em falta, avança a “TSF” esta segunda-feira.

Dezassete aeronaves estão em terra porque correm na justiça processos judiciais interpostos pelas empresas que perderam o concurso público aberto pelo Estado. ”Estamos a aguardar a conclusão desse processo”, disse o tenente-coronel Manuel Costa, porta-voz da Força Aérea, em declarações à rádio.

Os restantes três meios aéreos são do Estado e estão nas oficinas. “As aeronaves estavam inibidas e foi necessário algum tempo para providenciar o seu aprontamento e portanto estamos a aguardar que fiquem prontas”, disse.

Recorde-se: este é o primeiro ano em que cabe à Força Aérea a gestão das aeronaves do dispositivo de combate aos incêndios. Apesar do atraso na preparação dos meios aéreos, o tenente-coronel Manuel Costa, faz uma avaliação positiva da experiência.

“A Força Aérea dedicou-se ao máximo a todo este processo, fez tudo aquilo que era possível para que o processo decorresse dentro da normalidade, mas essas são as regras do jogo, que estão a criar alguma dificuldade. Perante os factos não foi assim uma coisa tão má”, afirmou.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Expresso .

Anterior Inés, a cabreira da esperança para um mundo em agonia na Europa
Próximo Feira de Caça, Pesca, Turismo e Natureza

Artigos relacionados

Últimas

Frutitec, Expojardim, Iberopragas e Urban Garden em contagem decrescente

Faltam apenas três dias para abrirem as portas da edição de 2019 Frutitec que acontece em simultâneo com a Expojardim, […]

Nacional

Governo dos Açores apoia aquisição de manga veterinária pelo Núcleo de Criadores de Raças de Carne na ilha Terceira

O Director Regional da Agricultura, José Élio Ventura afirmou, na ilha Terceira, que o Governo dos Açores esteve, está e estará […]

Últimas

Jovens Agricultores têm novos apoios disponíveis

O Governo disponibilizou um montante total de 35 milhões de euros para apoiar Jovens Agricultores. Trata-se
de verbas disponibilizadas através do Programa de Desenvolvimento Rural PDR 2020, […]