Agroindústria portuguesa tem condições para continuar a crescer, mas deve investir no conhecimento

Agroindústria portuguesa tem condições para continuar a crescer, mas deve investir no conhecimento

O presidente da Lusomorango, Luís Pinheiro, e o diretor do Centro de Estudos Aplicados da Universidade Católica, Ricardo Reis, defendem que o sector agroindustrial tem condições para se desenvolver, no início da última conferência do ciclo para a concretização de uma visão estratégica para o agroalimentar em Portugal

A agroindústria portuguesa tem condições para continuar a crescer, mas precisa de investir no conhecimento, defenderam o presidente da Lusomorango, Luís Pinheiro, e o diretor do Centro de Estudos Aplicados da Universidade Católica, Ricardo Reis, no início da última conferência do ciclo para a concretização de uma visão estratégica para o agroalimentar em Portugal, que decorre esta quarta-feira, 14 de abril.

Na conferência sobre o “Pacto

Continue a ler este artigo no Jornal Económico.

Comente este artigo
Anterior Reforma da PAC “é essencial” para a transição ambiental e digital - Ministra
Próximo PSD acusa Governo de não acautelar futuro estratégico do “novo” SIRESP

Artigos relacionados

Últimas

UE/Presidência: Florestas têm 665 ME para transformação da paisagem e cadastro

As florestas vão dispor de 665 milhões de euros, inclusive para a transformação da paisagem dos territórios vulneráveis e para o cadastro, segundo o Plano de Recuperação e Resiliência […]

Últimas

Estudo avalia eficácia do uso controlado de antibióticos nas terapias em vacas secas

Um dos programas de controlo de mastites mais importante é a terapia antibiótica em vacas secas (dry cow theraphy – DCT), […]

Nacional

Incêndios: Publicada reivindicação da Madeira para Governo suportar meio aéreo

“Os meios aéreos de combate a incêndios têm-se revelado fundamentais para combater os fogos florestais que surgem um pouco por todo o país. […]