AEP recebe missão inversa com 11 compradores de vinhos de 10 países

AEP recebe missão inversa com 11 compradores de vinhos de 10 países

A AEP – Associação Empresarial de Portugal recebe, no Porto, entre os dias 25 e 28 de novembro, uma missão empresarial inversa composta por 11 compradores internacionais de vinhos de 10 países, que tem como objetivo promover o vinho português além-fronteiras – um produto único e capaz de proporcionar vendas de escala e valor – e contribuir para posicionar os vinhos nacionais como um produto premium.

Oriundos do Reino Unido, Dinamarca, Polónia, Rússia, Brasil, Uruguai, Colômbia, Canadá, EUA, EAU/Dubai, os compradores internacionais vão, durante quatro dias, fazer provas de vinhos e visitar as quintas dos produtores nacionais. O programa contempla ainda masterclasses temáticas conduzidas por João Paulo Martins, crítico de vinhos.

Denominada “Portugal Premium Wines”, a ação de promoção da AEP envolve 12 produtores nacionais, de várias regiões vinícolas do país, e tem como objetivo identificar vinhos de qualidade superior.

Para Luís Miguel Ribeiro, presidente da AEP, “esta é a forma mais expedita da AEP ajudar as empresas a fazerem negócios. A AEP traz os compradores até às empresas. Não nos podemos esquecer que com a pandemia, as empresas nacionais estão, a vários níveis, mais limitadas e este formato (missão inversa) acaba por ser bastante eficaz”.

Este ano, esta é a segunda missão inversa de compradores de vinhos que a AEP promove. Em outubro, a AEP recebeu uma missão inversa de compradores brasileiros, uma parceria com a cadeia de distribuição Pão-de-Açúcar, que resultará num negócio avaliado em cerca de 1 milhão de euros.

Este ano, entre janeiro e outubro, o projeto BOW – Business on the Way, desenvolvido pela área Internacional da AEP, promoveu a participação de 102 empresas entre feiras internacionais, missões empresariais (virtuais, físicas e inversas), em 17 mercados distintos.

Em 2020, o BOW organizou 16 ações de internacionalização, entre feiras, missões empresariais e missões inversas, em 22 mercados, tendo envolvido 120 empresas.

Desde 1990, ano em que deu início, de uma forma sistemática, à realização de ações de internacionalização, a AEP já organizou, individualmente ou através de parcerias com outras entidades, largas centenas de ações em mercados externos.

O projeto BOW – Business on the Way é desenvolvido pela área internacional da AEP, no âmbito do Portugal 2020 e do Compete 2020, Programa Operacional da Competitividade e Internacionalização, Eixo II – Projetos Conjuntos – Internacionalização.

Comente este artigo
Anterior Live: Tecnologia e Sustentabilidade na produção agrícola
Próximo Cotações - Frutos Frescos e Secos - 15 a 21 de novembro de 2021

Artigos relacionados

Últimas

Webinar: Progressos no controlo da qualidade e autenticidade dos produtos vitivinícolas – 18 de junho

A ALABE está a organizar um webinar para celebrar o seu 25.º aniversário. O webinar, subordinado ao tema geral “Progressos no controlo da qualidade e autenticidade dos produtos […]

Últimas

OE2022: Patrões apresentam “propostas realistas” de menos IVA, IRC, derrama e IRS

Conselho Nacional de Confederações Patronais (CNCP) pretende ver no Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) reduções no IVA, IRC, derrama e IRS, uma proposta que o […]

Notícias mercados

Agroalimentar na Europa: Dados e Tendências

A FoodDrinkEurope acaba de divulgar o documento anual “Data & Trends”, que apresenta um conjunto de dados, análises e enquadramento de tendências relacionadas com a indústria […]