Abertas candidaturas a apoios para reforço da defesa floresta

Abertas candidaturas a apoios para reforço da defesa floresta

[Fonte: Gazeta Rural]

As candidaturas aos apoios disponibilizados pelo Governo, no montante de 20 milhões de euros, para reforçar a defesa da floresta contra os danos causados por pragas e doenças já estão abertas, anunciou o Ministério da Agricultura.

“Estão já abertas as candidaturas aos apoios disponibilizados pelo Governo para reforçar a defesa da floresta contra danos causados por agentes bióticos (pragas e doenças)”, anunciou, em comunicado, o ministério tutelado por Capoulas Santos.

De acordo com o Governo, o concurso, no valor de 20 milhões de euros, destina-se a apoiar “investimentos na prevenção e controlo de agentes bióticos nocivos com escala territorial relevante, e circunscritos a determinadas áreas críticas e prioritárias, para o pinheiro bravo, pinheiro manso, sobreiro e azinheira, castanheiro e eucalipto”.

Entre as pragas abrangidas está a “processionária do pinheiro, a vespa das galhas do castanheiro, o gorgulho do eucalipto e ainda o nemátodo da madeira do pinheiro”.

O concurso, financiado pelo Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2020, tem a verba distribuída por cinco sistemas florestais — pinheiro bravo (oito milhões de euros), pinheiro manso (três milhões de euros), sobreiro e azinheira (cinco milhões de euros), castanheiro (dois milhões de euros) e eucalipto (dois milhões de euros).

Cada beneficiário pode apresentar até três candidaturas, uma por sistema florestal, até ao dia 28 de junho, através da página do PDR 2020 na internet.

“No caso dos povoamentos mistos, com exceção do sistema florestal sobreiro e azinheira, poderão ser submetidas duas candidaturas, uma por cada espécie. As entidades gestoras de Zonas de Intervenção Florestal [ZIF] e as entidades gestoras de baldios poderão submeter três candidaturas por cada ZIF e por cada unidade de baldio, respetivamente”, ressalvou o Ministério da Agricultura.

Também as entidades coletivas públicas podem apresentar três candidaturas por cada mata nacional e por cada perímetro florestal.

O Programa de Desenvolvimento Rural de Portugal foi aprovado na sequência da decisão da Comissão Europeia em dezembro de 2014 e visa o apoio às atividades do setor agrícola assente numa gestão eficiente dos recursos.

Fonte: Sapo.pt

Comente este artigo

O artigo Abertas candidaturas a apoios para reforço da defesa floresta foi publicado originalmente em Gazeta Rural.

Anterior Governo reforça defesa da floresta com 20 Milhões de euros
Próximo Governo Regional dos Açores admite mais 14 guardas florestais

Artigos relacionados

Últimas

Unileite penaliza excesso de produção

[Fonte: Vida Rural]

A Unileite vai baixar o preço do leite pago à produção em 1 cêntimo por litro, de acordo com decisão aprovada em Assembleia Geral. De acordo com a Antena 1 Açores, o Presidente da Unileite, […]

Nacional

Trump confima trégua com a China e suspende “por ora” escalada na guerra comercial

[Fonte: Expresso]

Trump confirmou este sábado numa conferência de imprensa no Japão que acordou com Xi Jinping uma nova trégua na guerra comercial.
O presidente norte-americano considerou como uma “grande reunião” o encontro realizado durante oito horas entre as delegações dos Estados Unidos e a China à […]

Nacional

Barragem do Pisão vai ser construída

[Fonte: Governo] O Governo anunciou que aprovou o relatório do grupo de trabalho que estudou o modelo de financiamento e gestão do empreendimento de aproveitamento hidráulico de fins múltiplos do Crato, vulgo Barragem do Pisão, que deverá estar concluída em 2027.

Assim, o Governo determinou o início imediato dos trabalhos que implicam a elaboração de estudos e projetos, […]