A quinta da ANIPLA, situada na Companhia das Lezírias, foi o local escolhido para receber o projeto “Girl Move”.

A quinta da ANIPLA, situada na Companhia das Lezírias, foi o local escolhido para receber o projeto “Girl Move”.

Lisboa, 31 de Outubro 2018
Smart Farm acolhe iniciativa de empoderamento de mulheres moçambicanas
Ontem, dia 30 de outubro, a Smart Farm recebeu a visita de uma jovem natural de Moçambique, integrada no projeto “Girl Move” e do seu programa “CHANGE – Estágios de vida 2018”.
Sónia Massicame, licenciada em Engenharia Agronómica, foi recebida na quinta inteligente da ANIPLA, na Companhia das Lezírias, onde teve a oportunidade de assistir e participar em diversas atividades práticas ligadas ao uso seguro e sustentável de produtos fitofarmacêuticos.
Na visita guiada à Smart Farm, local de referência em território português para as áreas da inovação técnica e científica na produção agrícola, a jovem recém-licenciada em Agronomia assistiu presencialmente a demonstrações de técnicas e equipamentos pioneiros em Portugal, adquirindo formação sobre as melhores práticas agrícolas e sobre a utilização segura de produtos fitofarmacêuticos.
Para António Lopes Dias, Diretor da ANIPLA, “Foi com grande sentido de responsabilidade que acolhemos esta jovem empreendedora na nossa quinta inteligente. Numa altura em que a produção agrícola enfrenta diversos desafios, é especialmente importante dotar estas jovens de competências e ferramentas que lhes permitam ser verdadeiros agentes de mudança nos seus países de origem.”
Esta visita contou com o apoio da DGAV e esteve enquadrada numa formação do projeto TOPPS que a Anipla desenvolve em parceria com a Confagri e com a CAP e que reuniu um grupo de formadores e técnicos ligados à área da aplicação de produtos fitofarmacêuticos.
O Girl Move é uma iniciativa de liderança e empreendedorismo dirigida a mulheres moçambicanas recém-licenciadas ou mestres em áreas estratégicas de desenvolvimento do seu país como a agricultura, o ambiente, a educação, a engenharia, gestão, etc, dotando-as de ferramentas de mudança no seu país de origem. No âmbito deste projeto que recebeu mais de 700 candidaturas, Portugal acolheu este mês, 31 jovens de Moçambique.

Comente este artigo
Anterior InovCluster com balanço positivo da SIAL Paris 2018
Próximo Fórum Agrogarante “Conversas de Agricultura” - 13 de novembro - Ponta Delgada

Artigos relacionados

Comunicados

Operação 8.1.5: Novos concursos

[Fonte: PDR2020]
Prevê-se que, muito brevemente, sejam abertos concursos no âmbito da Operação 8.1.5 – Melhoria da Resiliência e do Valor Ambiental das Florestas -, abrangendo os territórios correspondentes às NUT II do Norte, Centro, Lisboa, Alentejo e Algarve.
Assim, até […]

Comunicados

Drought in Europe Summer 2018: crisis management in an orderly chaos

[Fonte: Farm Europe]
This summer recorded very high temperatures, which caused droughts that affected agricultural production heavily (e.g. arable crops and animal feed) in many EU countries. At the request of many Member States, the European Commission has activated a number of measures and derogations. […]

Comunicados

IFAP MAIS PERTO – TUTORIAIS

[Fonte: IFAP]
IFAP MAIS PERTO – TUTORIAIS

O IFAP compilou numa só página os vários tutoriais existentes no Portal, à semelhança do que já havia sido feito para Manuais, Formulários e Minutas, com o objetivo de facilitar o acesso por parte dos utilizadores que encontrem dificuldades em determinadas áreas de interação com a nossa plataforma online, […]