​Governo reforça meios aéreos para época de combate aos incêndios

​Governo reforça meios aéreos para época de combate aos incêndios

O secretário de Estado da Proteção Civil anunciou a contratação de mais cinco meios aéreos para o dispositivo de combate a incêndios florestais.

Na Renascença, José Artur Neves revelou que no total estarão disponíveis “61 meios aéreos, incluindo o meio aéreo da Região Autónoma da Madeira”.

O governante anunciou ainda que vai ser feita uma “alteração estrutural de alguns helicópteros” de modo a aumentar a capacidade de transporte dos aparelhos. Pretende-se que os helicópteros passem a levar 12 elementos do Grupo de Intervenção Proteção e Socorro (GIPS) da GNR para fazer o ataque inicial ao fogo (atualmente são oito).

Também vai finalmente avançar a empresa pública de gestão florestal. o anúncio será feito nos próximos dias e terá sede em Figueiró dos Vinhos.

O secretário de Estado diz que se trata de mais um passo na reforma da floresta “encaminha-nos para uma reforma floresta ordenada e resiliente ao fogo”.

O Governo está também a preparar um novo plano contra incêndios. A revelação foi feita pelo presidente para a Agência para a Gestão Integrada dos Fogos Rurais.

O artigo foi publicado originalmente em Rádio Renascença.

Comente este artigo
Anterior Projecto de integração social através da viticultura
Próximo AlgaEnergy abre filiais nos EUA e na Índia

Artigos relacionados

Últimas

“É possível que haja uma taxa comum sobre as empresas na União Europeia”, diz José Manuel Fernandes, eurodeputado do PSD

José Manuel Fernandes fala sobre as negociações da agenda estratégica da UE, a liderança da Comissão Europeia — onde defende Weber –, […]

Últimas

Prémio Empreendedorismo e Inovação Crédito Agrícola. Candidaturas até dia 26

O Crédito Agrícola, a INOVISA, a Rede Rural Nacional e a ANI (Agência Nacional de Inovação) uniram-se novamente para lançar a 6ª […]

Últimas

Newsletter GPP | + Flash nº 39 – janeiro 2020

 
Encontra-se disponível a Newsletter do GPP + Flash – Edição n.º 39 de janeiro de 2020 
Aceda aqui 
Consulta das edições disponíveis  […]