Yami – Youth Agribusiness Movement International 2020 – arranca na próxima semana e promove o diálogo lusófono em prol dos jovens agricultores com a presença da AJAP

Yami – Youth Agribusiness Movement International 2020 – arranca na próxima semana e promove o diálogo lusófono em prol dos jovens agricultores com a presença da AJAP

Educação e Agricultura do Futuro; Evolução Digital; A Era do empreendedorismo; Tendências de consumo e Compliance e Governança: são estes os temas do grande evento Yami- Youth Agribusiness Movement International 2020 – que decorre já na próxima semana.

Este Congresso da Juventude do Agronegócio pretende discutir, sobretudo com os jovens, como será o mundo após a pandemia e como serão adaptados os sistemas atuais para o novo formato de produção e consumo.

Portugal estará representado pelo Diretor-geral da AJAP, Eng. Firmino Cordeiro, no dia 28 de outubro, sobre o tema: “Era do empreendedorismo e Tendências de Consumo.”

Devido à Covid-19, o evento decorre inteiramente online de 26 a 29 de outubro de 2020, das 15H30 às 17H00 (Hora de Portugal Continental – das 18h30 às 20h00)

A decorrer na mesma semana, destaque para o 5º CNMA- CONGRESSO NACIONAL DAS MULHERES DO AGRONEGÓCIO, um evento em que se aborda a relevância feminina para o avanço inovador, rentável, sustentável e ético do agronegócio. A MINISTRA DA AGRICULTURA, MARIA DO CéU ANTUNES, INTEGRA O PRIMEIRO DEBATE DO CERTAME, ao lado de Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, Ministra da Agricultura do Brasil e de Graciela Fernandez, Líder da Aliança das Cooperativas Internacionais na América.

Estas presenças pretendem dar um primeiro passo no sentido da integração agrolusófona, unindo os países e regiões do mundo de língua portuguesa.

De acordo com o Prof. Dr. José Luiz Tejon – coordenador de conteúdo do 5º CNMA E YAMI2020, o encontra das duas Ministras marca “o início da uma integração cultural, social e económica sob o conceito de uma ‘agrolusofonia’, representando oportunidades e potenciais para desenvolvimento das nossas sociedades com educação, tecnologias, cooperativismo e acesso a mercados mundiais. O empreendedorismo será sagrado para a reinicialização económica do mundo a partir de 2021. Angola, Cabo Verde, Guiné Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Timor Leste, as regiões de Goa e Macau, Brasil e Portugal – representam ativos robustos para crescermos juntos.”

José Luiz Tejon, reconhecido nome ligado ao agronegócio deixou ainda uma mensagem para a AJAP: “A AJAP estará connosco no YAMI e muito nos honra contar com o Eng. Firmino Cordeirono painel “A era do empreendedorismo e tendências de consumo”. A voz da juventude será decisiva na construção de um mundo melhor, doravante. As novas gerações precisam fazer o que as anteriores ainda não conseguiram: consciência em todos os sentidos e governança digna de todas as cadeias produtivas do agronegócio no mundo – um legitimo ‘health system‘ (sistema de saúde). Seja muito bem-vinda AJAP – aqui a casa é vossa.”

Comente este artigo
Anterior Duas novas bolsas de Doutoramento para jovens investigadoras do Centro de Biotecnologia Agrícola e Agroalimentar do Alentejo
Próximo The CAP proposal is not a green-washing exercise

Artigos relacionados

Nacional

UE quer proibir munições de chumbo nas áreas húmidas. Caçadores dizem que Regulamento tem “abordagem claramente contrária ao Direito da UE”

A polémica já começou e promete continuar. A Comissão Europeia pretende proibir munições de chumbo nas áreas húmidas, através do Regulamento […]

Últimas

Combate à praga do castanheiro no Concelho de Alijó já está no terreno

Câmara Municipal de Alijó deu início a várias ações de luta biológica contra a vespa das galhas do castanheiro. O combate a esta praga que afeta a […]

Últimas

Portugal deverá duplicar financiamento europeu a partir de 2020

O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, afirmou esta segunda-feira que prevê que Portugal consiga no próximo programa-quadro europeu de investigação e inovação, […]