XII Feira Nacional do Mirtilo em Sever do Vouga de 27 a 30 de Junho

XII Feira Nacional do Mirtilo em Sever do Vouga de 27 a 30 de Junho

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]

Começa amanhã, 27 de Junho, em Sever do Vouga, a 12.ª edição da Feira Nacional do Mirtilo. De periodicidade anual, este evento é promovido pela Câmara Municipal de Sever do Vouga.

O programa da Feira Nacional do Mirtilo, que decorre até 30 de Junho, tem diferentes componentes, que decorrem dentro e fora do Parque Urbano da Vila de Sever do Vouga. Além do habitual espaço de exposição, onde estarão presentes empresas ligadas à fileira dos pequenos frutos, produtores, comercializadores e viveiristas, estão previstas actividades «dirigidas aos profissionais do sector e às famílias», incluindo palestras técnicas, sessões de showcooking e apanha de mirtilo.

Pode consultar, nos seguintes links, o programa geral, o programa da palestra “A cultura do mirtilo e outros pequenos frutos” e o cartaz do certame.

Comente este artigo

O artigo XII Feira Nacional do Mirtilo em Sever do Vouga de 27 a 30 de Junho foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores.

Anterior Governo estima que execução do programa Portugal 2020 já ultrapassou 40%
Próximo El sector de frutas y hortalizas quiere recuperar el protagonismo que le corresponde en la reforma de la PAC

Artigos relacionados

Sugeridas

Agricultura: Governo apoia rebanhos para prevenir fogos

[Fonte: Reconquista]
No distrito de Castelo Branco há cerca de 60 freguesias elegíveis a estes apoios.
O Ministério da Agricultura vai disponibilizar cinco milhões de euros para projetos de gestão de combustível florestal com recurso à pastorícia, […]

Últimas

Los precios del conejo alcanzado máximo anual y los del pollo caen

[Fonte: Agropopular – Cotações]

Los precios del conejo continuaron una semana más anotando subidas en las cotizaciones ante la escasa oferta, […]

Últimas

Greve de motoristas: CAP pede “pelo menos um posto de abastecimento prioritário”

[Fonte: O Jornal Económico]

A 10 dias do início da greve dos motoristas, a Confederação dos Agricultores de Portugal (CAP) reiterou a sua preocupação com os impactos imediatos e muito abrangentes que poderão resultar da greve e fez hoje um apelo para que sejam garantidos serviços mínimos. […]