Webinar: As Florestas e a crise que vivemos: um olhar para além da pandemia – 5 de maio

Webinar: As Florestas e a crise que vivemos: um olhar para além da pandemia – 5 de maio

A Floresta tem estado longe do olhar da sociedade ao longo dos últimos 2 meses. Mas a crise que hoje vivemos, e cujos efeitos tenderão a prolongar-se no tempo, também afeta os diversos agentes económicos envolvidos nas principais fileiras de base florestal.
Para olharmos de perto para esta realidade, teremos connosco os responsáveis pelo Centro Pinus (estrutura que agrega a fileira do pinho), da Filcork (estrutura interprofissional que agrega os agentes da fileira da cortiça) e da CELPA (a associação da indústria papeleira), que nos ajudarão a perceber melhor de que forma é que estes meses de confinamento da Economia têm impactado nos agentes económicos envolvidos nas respetivas fileiras, bem como a olhar para a Floresta para além desta pandemia.

Inscrição gratuita mas obrigatória.

Moderador – Francisco Gomes da Silva (Agroges)
Oradores:
João Gonçalves (Presidente da direção do Centro PINUS)
João Rui Ferreira ( Presidente da direção da Filcork)
Luís Veiga Martins (Diretor Geral da CELPA)

→ Inscrição ←

Hora: 5 mai 2020 11:00 AM

Comente este artigo
Anterior PDR 2020 tem 5 M€ de apoio para recuperação de povoamentos de eucalipto em sub-produção
Próximo Limpar terrenos. Prazo termina hoje, com autarquias a pedirem mudanças na lei

Artigos relacionados

Nacional

“Pode haver espécies que deixem de florir a determinada altura”

José Paulo Sousa, Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) 
“Devido às alterações climáticas, a disponibilidade de recursos florais constitui um grave problema, […]

Nacional

DS Smith participa na Alimentaria & Horexpo Lisboa 2019

A DS Smith, empresa especializada no sector da embalagem, vai participar como expositora na Alimentaria & Horexpo Lisboa 2019, que decorre de 24 a 26 de Março, […]

Nacional

Invasoras ameaçam produção agrícola na América Latina

A América Latina possui 57 milhões de hectares
cultivados com soja, milho e trigo, entre outras grandes culturas, sendo
apontada pela FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e
Alimentação) como celeiro do mundo. […]