Vitacress alarga área de entrega de cabazes e chega a quase todo o País

Vitacress alarga área de entrega de cabazes e chega a quase todo o País

A marca começou com distribuição em Lisboa, Setúbal e Porto, mas são agora 13 os distritos nos quais a Vitacress – empresa de capital cem por cento nacional, propriedade do Grupo RAR – faz a entrega dos seus cabazes de produtos de frescos.

O serviço foi lançado no início de Abril, com distribuição apenas em Lisboa, Setúbal e Porto, mas no espaço de cerca de duas semanas, alargou-se a quase todo o País, garantindo que os portugueses continuam a ter acesso a uma alimentação equilibrada sem saírem de casa.

Apoio aos profissionais de saúde

A iniciativa desafia ainda todos os consumidores da marca a apoiar os profissionais de saúde que estão no combate ao surto do Covid-19, já que por cada compra a Vitacress lhes oferece saladas refeição.

Aveiro, Braga, Coimbra, Leiria, Castelo Branco, Santarém, Portalegre, Évora, Beja e Faro são os distritos que passaram a integrar a rota de entregas da Vitacress. Partindo directamente de Odemira para a casa dos portugueses, nos cinco cabazes da marca destacam-se as saladas de folhas baby, como a Salada Formosa ou Salada da Terra; a Super Sopa Protec; o agrião de água, espinafre ou rúcula selvagem; as Saladas Refeição; cenoura baby e tomate cherry; ervas aromáticas (salsa e coentros); batatas doce e branca; e ainda os croutons de tomate para complementar as saladas.

As encomendas podem ser feitas através do site da marca (www.vitacress.pt) e, os tempos de entrega variam entre 48 e 72 horas na maioria das localidades.

“Continuamos a produzir, nos nossos campos em Odemira, para garantir que os produtos frescos não faltam na mesa dos portugueses. Quando a Vitacress lançou o serviço de entregas ao domicílio, começamos com apenas três distritos, mas sempre com o objectivo de chegar a todo o território nacional. Estamos muito perto disso”, refere Nuno Crispim, director de marketing da marca.

“Acrescentamos à conveniência da entrega e dos próprios produtos, que são na sua maioria já lavados e embalados, a vertente solidária. Os nossos consumidores já contribuíram com cerca de mil saladas refeição para profissionais de saúde e estamos muito orgulhosos com o sucesso desta acção”, conclui. Recorde-se que a Vitacress já doou mais de seis mil saladas a 18 hospitais e unidades de saúde de todo o País.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Curso online "Comunicar Agricultura e Floresta" - 28, 30 de abril e 2 de maio
Próximo Poluição por aerossóis vs poluição gasosa

Artigos relacionados

Nacional

Cooperativas agrícolas aderem ao Código de Boas Práticas na Cadeia Agro-alimentar

São 18 as cooperativas agrícolas, a que se juntam a Lactogal e a PecNordeste, entre outros agentes do sector, que subscrevem, […]

Últimas

Tertúlia do Montado – Utilização de Tratamentos não convencionais para o controlo da infeção do sobreiro por Phytophora – 9 de novembro – Montemor-o-Novo

O ICAAM – Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais Mediterrânicas da Universidade de Évora vai realizar […]

Eventos

A pequena e média agricultura familiar em análise – 23 de julho

A sexta conferência de Engenharia Agronómica, Alimentar e Zootécnica, o Colégio de Engenharia Agronómica – Norte recebe Agostinho Carvalho […]