Vamos criar valor é o mote para a Agroglobal de 2018 – Joaquim Pedro Torres

Vamos criar valor é o mote para a Agroglobal de 2018 – Joaquim Pedro Torres

Já era o tempo em que a Agroglobal se concentrava na afirmação tecnológica e profissional da agricultura portuguesa. Hoje o país pede ao setor agrícola que seja um “dínamo” cada vez mais potente da economia nacional, que crie cada vez mais valor acrescentado.

A Agroglobal reajusta a “mira” nesse sentido:

– Vamos estar atentos a todas as oportunidades e inovações que aparecem a um ritmo alucinante e que podem tornar a nossa agricultura cada vez mais “precisa”.

– Vamos trabalhar para encurtar a distância entre o conhecimento científico e a produção. Continua a existir neste “espaço” um enorme capital desperdiçado.

– Vamos estimular o relacionamento entre empresas presentes, a procura de sinergias e negócios entre elas, aumentando a eficiência da cadeia de produção para obter um produto final mais competitivo.

Mãos à obra!

Joaquim Pedro Torres, organizador da Agroglobal

Comente este artigo
Anterior Agroglobal 2018 começa a tomar forma
Próximo Prevenção de Acidentes no Sector Agrícola e Florestal - 9 de Fevereiro 2018 - Tabuaço

Artigos relacionados

Últimas

Distribuição: Esperar o melhor, preparar-se para o pior – José Rousseau

Mais um “cisne negro” abriu as suas asas sobre a humanidade, afetando e infetando, tudo e todos. Mais um acontecimento, súbito e inesperado, […]

Nacional

GP PCP: resposta do Governo à pergunta do PCP sobre a disponibilização à Direção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve de recursos humanos, materiais e financeiros adequados

No passado dia 27 de Março, uma delegação do PCP reuniu com o Diretor Regional de Agricultura e Pescas do Algarve e elementos da sua equipa, […]

Últimas

Pedrógão Grande: Ex-presidente do IHRU acusa Fundo Revita de “gestão fraudulenta”

O ex-presidente do Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU) Victor Reis afirmou hoje, no parlamento, que a introdução da figura do domicílio fiscal no regulamento do Fundo Revita potenciou a “gestão fraudulenta, […]