UTAD coordena projecto para ajudar a mitigar impactos das alterações climáticas na viticultura

UTAD coordena projecto para ajudar a mitigar impactos das alterações climáticas na viticultura

Vai decorrer de 18 a 21 de Fevereiro, na Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), em Aveiro, o evento de lançamento do projecto europeu Clim4Vitis, coordenado pela UTAD. O foco do projecto é a mitigação do impacto das alterações climáticas na viticultura europeia.

O objectivo principal do Clim4Vitis é fortalecer e aumentar a capacidade e o desempenho, tanto ao nível científico como tecnológico, da UTAD – mais especificamente, da unidade de investigação do Centro de Investigação e Tecnologias Agroambientais e Biológicas (Citab) –, em duas áreas de investigação em viticultura e clima. Essas áreas são, por um lado, modelação de videiras e, por outro, métodos e ferramentas para avaliar o impacto das alterações climáticas na viticultura europeia, em geral, e na produtividade da vinha, nos atributos de qualidade e no risco de pragas e doenças, em particular.

A linha em que Clim4Vitis se insere visa fortalecer significativamente um campo de investigação específico numa universidade ou entidade de investigação, associando-a a, pelo menos, duas entidades de investigação de outros Estados-membros. Desta forma, o projecto reúne cinco parceiros: UTAD, Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI), Luxembourg Institute of Science and Technology (LIST), Universita degli Studi de Firenze (Unifi), Potsdam Institute for Climate Research (PIK).

O evento de lançamento do Clim4Vitis será composto por workshops, formação e apresentações.

Comente este artigo

O artigo foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores .

Anterior Baixar o grau de álcool de 19 para 18 graus “não irá nunca pôr em causa a notoriedade do vinho do Porto”
Próximo Hogan defiende ahora una PAC “bien financiada y fuerte y cuánto antes, mejor”

Artigos relacionados

Nacional

Lusomorango preocupada com desenvolvimento do Perímetro de Rega do Mira

A Lusomorango, associação que representa 42 produtores de pequenos frutos, enviou esta terça-feira (28 de maio) uma carta ao Presidente da República, […]

Últimas

Incêndios: Mais de 60 militares vão reforçar vigilância em nove distritos a partir de sexta-feira

“A subida das temperaturas para os próximos dias leva ao terreno, a partir de amanhã [sexta-feira], 66 militares distribuídos por 22 patrulhas (seis da Marinha e 16 do Exército), […]

Últimas

Baixo Mondego cultiva arroz com menos semente certificada por hectare

Os produtores de arroz do Baixo Mondego podem este ano realizar as suas culturas de arroz com apenas 90 quilos de semente certificada por hectare. […]