Seminário “Controlo Biológico e Técnicas Alternativas de Protecção das Culturas”

Seminário “Controlo Biológico e Técnicas Alternativas de Protecção das Culturas”

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]

O Auditório da Escola Superior Agrária de Santarém recebe a 11 de Abril o Seminário organizado pela Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária sobre “Controlo Biológico e Técnicas Alternativas de Protecção das Culturas”.

Temas como o uso sustentável de produtos fitofarmacêuticos, métodos alternativos para controlo de pragas e doenças e os novos desafios na protecção de culturas, estarão em cima da mesa pela voz de inúmeros técnicos e especialistas, com espaço para debate.

A DGAV apresentará ainda na parte da manhã o Plano de Acção Nacional para o uso sustentável de produtos e serão várias as culturas em análise, como a vinha, olival, citrinos ou castanheiro.

As inscrições são gratuitas mas obrigatórias e poderão ser feitas até ao dia 5 de Abril junto da DGAV.

Confira o programa deste seminário:

10:00

Sessão de Abertura

Prof. Coord. Doutor António Azevedo, Director da Escola Superior Agrária de Santarém

Eng.º Lacerda Fonseca, Director Regional de Agricultura e Pescas de Lisboa e Vale do Tejo

Prof. Fernando Bernardo, Director-Geral da Alimentação e Veterinária

Painel I – Uso sustentável de produtos fitofarmacêuticos

Moderador: João Lima, INIAV

 

10:30-11:00

Apresentação do Plano de Acção Nacional para o uso Sustentável de Produtos

Fitofarmacêuticos (1ª Revisão) 2018-2023

Paula Carvalho, DGAV

 

11:00-11:20

Biopesticidas no contexto do Regulamento n.º 1107/2009

Bárbara Oliveira, DGAV

 

11:20-11:40

Intervalo para café

11:40-12:00

Painel II – Controlo biológico e métodos alternativos de protecção das culturas

Moderador: Jorge Reis, Revista Frutas, Legumes e Flores

Métodos alternativos à luta química em viticultura na região do Douro

Anabela Nave, ADVID

 

12:00-12:20

Estratégias de protecção do olival alternativas à luta química

Laura Torres, UTAD

 

12:20-12:40

Novas técnicas de melhoramento

Pedro Fevereiro, ITQB

 

12:40-13:15

Debate

 

13:15-14:30

Almoço livre

 

14:30-14:50

Moderador: José Oliveira, AlgarveOrange

Luta biológica contra trioza erytreae

Alejandro Tena, Instituto Valenciano de Investigaciones Agrarias (IVIA)

 

14:50-15:10

Tácticas biológicas e biotécnicas de protecção dos citrinos

José Carlos Franco, Elsa Borges da Silva, Manuela Branco, Celestino Soares, Zvi Mendel

 

15:40-16:00

Controlo biológico do cancro do castanheiro

Eugénia Gouveia, Escola Superior Agrária de Bragança

 

16:00-16:30

Debate

 

16:30-17:30

Mesa Redonda: Novos desafios na protecção das culturas

Moderador: Eduardo Dinis, GPP

Participantes: DGAV – Paula Cruz de Carvalho; CAP – Maria do Carmo Martins; CNA – Ângela Dias;

ANIPLA – Paulo Lourenço; AGROBIO – Luiz Mendes; InnovPlantProtect – Margarida Oliveira;

 

18:00

Sessão de Encerramento

Dr. Luís Vieira, Secretário de Estado da Agricultura e Alimentação (a confirmar)

Notícias relacionadas

  • A Estação Nacional de Fruticultura Vieira Natividade, em Alcobaça, acolhe, na tarde de 23 de Janeiro, a “Jornada Técnica –…
  • De 4 a 7 de Setembro, realiza-se no Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária (Iniav), em Oeiras, a XIV.ª…
  • No âmbito do projecto Baydiversity, a divisão da Bayer dedicada ao tratamento das culturas, a Crop Science, entregou à Herdade…
Comente este artigo

O artigo Seminário “Controlo Biológico e Técnicas Alternativas de Protecção das Culturas” foi publicado originalmente em Revista Frutas Legumes e Flores

Anterior Vai começar a ser produzido arroz dourado
Próximo Redução de custos de produção e de emissões de CO2 são prioridades para o setor leiteiro

Artigos relacionados

Últimas

Estudo científico conclui que ondas de calor vão aumentar cinco vezes em 100 anos

Aveiro, 29 jun (Lusa) – Um estudo de investigadores da Universidade de Aveiro (UA), hoje divulgado, conclui que no final do século XXI vai haver cinco vezes mais ondas de calor como aquela que ocorreu durante o incêndio de Pedrógão Grande.

A conclusão resulta de um estudo que foi publicado na semana passada no ‘International Journal of Climatology’, […]

Últimas

Estado está a fazer “o possível” para ser exemplo na limpeza da floresta – ministro

[Fonte: Correio da Manhã]
O ministro da Agricultura afirmou hoje, em Benavente, que o Estado está a fazer “o que é possível” para ser “exemplo” na limpeza das florestas, realçando, contudo, as dificuldades colocadas pela “grande dimensão” das áreas sob a sua responsabilidade. […]

Últimas

Primeiro-ministro ambiciona uma floresta que seja “um factor de riqueza colectiva”

[Fonte: Público]

O primeiro-ministro, António Costa, defendeu nesta quarta-feira, em Figueiró dos Vinhos, que o desafio do Estado é transformar a grande ameaça que tem sido a floresta numa fonte de riqueza para o território.

Mais populares

Na apresentação da estratégia da Florestgal – […]