Resta menos de 10% da água na barragem Monte da Rocha, em Ourique

Resta menos de 10% da água na barragem Monte da Rocha, em Ourique

[Fonte: Tribuna Alentejo] A Barragem do Monte da Rocha em Ourique está a levantar uma grande preocupação entre autarcas e sobretudo agricultores já que esta é de utilização predominantemente agrícola, por se encontrar com reservas de água de apenas 9,8%.

Os dados são do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos que monitorizou 59 barragens em julho, e apurou que apenas 8 barragens mantêm disponibilidade de água acima dos 80% e 12 delas estão abaixo dos 40% nas reservas de água. A generalidade das bacias hidrográficas apresenta valores de reservas de água inferiores aos valores em média dos últimos 20 anos.

Na bacia do Guadiana as barragens de Abrilongo em Campo Maior, do Caia em Elvas, Lucefecit no Alandroal e da Vigia, em Redondo são as que apresentam valores mais baixos de reservas. Abrilongo com 22,8%, Caia com 20,6%, Lucefecit com 16,6% e a Vigia com 12,7% da capacidade. Alqueva está a 71%.

Na Bacia do Sado, com excepção de Alvito, que está a 80,5%, os casos mais dramáticos vão para Campilhas, em Santiago do Cacém, com 11,2% e Monte da Rocha em Ourique, com o valor mais baixo de todo o Alentejo em reserva de água. Apenas 9,8%. E o problema só será ultrapassado quando estiver concluída a ligação ao Alqueva.

Comente este artigo
Anterior Incêndios. Fogo em Pampilhosa da Serra em fase de resolução
Próximo Entrega de Declaração de Existências de Produtos Vínicos até 10 de Setembro

Artigos relacionados

Sugeridas

“Irrigação gota a gota é chave na agricultura inteligente e é importante para melhorar o destino dos povos e das comunidades”

Naty Barak, diretor de Sustentabilidade da Netafim, abre a série de artigos de opinião e mínientrevistas, que publicaremos até à próxima segunda-feira, […]

Nacional

António Costa junta-se aos “Amigos da Coesão” para rejeitar cortes nos fundos comunitários

Os Estados-membros “Amigos da Coesão” reúnem-se na terça-feira em Praga, devendo reiterar a sua oposição aos cortes previstos para aquela política no próximo orçamento plurianual da União Europeia. […]

Últimas

Cheias afogam culturas de jovem agricultora em Moncorvo

Mais uma cheia, mais uns milhares de euros de prejuízo. Catarina Martins, a “Melhor Jovem Agricultora de Portugal 2016”, acordou, esta quarta-feira, com as águas dos rios Douro e Sabor a […]