Produtores florestais pedem adiamento do prazo para limpeza de terrenos

Produtores florestais pedem adiamento do prazo para limpeza de terrenos

[Fonte: Rádio Renascença]

Produtores florestais pediram, esta quarta-feira, o adiamento para o final de abril do limite para a limpeza de terrenos sem multa aos proprietários, por considerarem que 15 de março é demasiado cedo, tendo em conta a fase crítica dos incêndios.

O Fórum Florestal, estrutura que integra Organizações de Produtores Florestais, foi hoje ouvido em audiência na Assembleia da República pela comissão da Agricultura acerca da realidade destes produtores nos territórios afetados pelos incêndios.

“Claramente 15 de março é demasiado cedo” para a limpeza dos terrenos, afirmou António Oliveira, do Fórum Florestal.

O dirigente sugeriu que a data limite para limpeza dos terrenos sem multas aos proprietários deveria ser adiada “pelo menos até ao final de abril”.

“Um proprietário que cumpra e que limpe o seu terreno até 15 de março, provavelmente a 15 de maio, quando se entra no período crítico, já precisaria de o fazer outra vez”, considerou, salientando que a limpeza tem um custo.

“Há um desfasamento entre a necessidade de cumprir e o “timing” de o cumprir. É preciso que isto seja revisto, porque o produtor florestal não tem capacidade de fazer duas e três limpezas por ano”, acrescentou.

António Oliveira criticou ainda o facto de as autarquias fazerem a gestão das faixas de combustível com o corte de árvores em terrenos privados em faixas junto às estradas e caminhos municipais sem qualquer compensação aos proprietários dos terrenos.

“Uma autarquia, neste momento, vai ter de entrar no terreno do Sr. José e do Sr. Manuel para cortar pinheiros, sem nunca ter pago nada para o fazer. (…) Com que direito é que o Governo vai cortar em propriedade privada sem ter pago por ela”, questionou.

O responsável considerou que os problemas levantados por “municípios que cumpriram escrupulosamente aquilo que no ano passado era dito no Orçamento do Estado” ainda são “pontuais”.

No entanto, “quando o cumprimento desta legislação se alastrar vai ser um problema gravíssimo para o país”, realçou.

Comente este artigo

<span class="feed-rss-footer">O artigo <a title="Produtores florestais pedem adiamento do prazo para limpeza de terrenos" href="https://rr.sapo.pt/noticia/138369/produtores-florestais-pedem-adiamento-do-prazo-para-limpeza-de-terrenos?utm_medium=rss" target="_blank" rel="nofollow noopener"><i>Produtores florestais pedem adiamento do prazo para limpeza de terrenos</i></a> foi publicado originalmente em <a href="https://rr.sapo.pt/rss/rssfeed.aspx?section=section_noticias" target="_blank" rel="nofollow noopener">Rádio Renascença</a>.</span>

Anterior Continente vai comprar 10 mil toneladas de laranja do Algarve
Próximo Comandos sub-regionais de emergência e proteção civil: Marta Soares diz "não"

Artigos relacionados

Últimas

XXXIX Reunião de Primavera da Sociedade Portuguesa de Pastagens e Forragens – 3 e 4 de Maio 2018 – Ponte de Lima

A XXXIX Reunião de Primavera da Sociedade Portuguesa de Pastagens e Forragens (SPPF) – divulga o programa  subordinado ao tema “Forragens e Pastagens no Noroeste Atlântico.”, que se realizará a  3 e 4 de Maio de 2018, em Ponte de Lima.

Comente este artigo
#wpdevar_comment_4 span,#wpdevar_comment_4 iframe{width:100% !important;} […]

Últimas

Portugal na rota das boas práticas, com resultados a crescer em 2016

O VALORFITO, o Sistema Integrado de Gestão de Embalagens e Resíduos em Agricultura, reuniu o sector agrícola e parceiros no passado dia 5 de Maio, em Évora, para a apresentação dos resultados de 2016 e para a entrega dos “Prémios Valorfito 2016” a quem mais contribuiu para o sucesso alcançado. […]

Internacional

El Gobierno no va a esperar a la reforma de la PAC y ya quiere incluir cambios en la campaña 2020

[Fonte: Agroinformacion – PAC]
El Ministerio de Agricultura ha expuesto a consulta pública previa su intención de introducir algunos cambios en los Reales Decretos 1075/2014 y 1076/2014 que regulan las ayudas directas de la PAC, de cara a la campaña 2020, […]