Princípios da proteção contra o pedrado da macieira e da pereira

Princípios da proteção contra o pedrado da macieira e da pereira

A luta química contra o pedrado das pomóideas tem três objetivos principais:

  1. Evitar a instalação da doença durante o período de contaminações primárias;
  2. Posicionar os tratamentos de modo preventivo, o mais próximo possível dos períodos de risco;
  3. Limitar o aparecimento de resistências, praticando uma alternância de produtos tão alargada quanto possível, durante todo o período em que é necessário fazer tratamentos contra o pedrado.

Na luta contra o pedrado, deve ter em conta a necessidade de:

  • Realizar os tratamentos com os necessários cuidados, de acordo com práticas corretas, respeitando as doses dos produtos e os períodos em que se prevê que serão mais eficazes;
  • Dispor dos meios materiais e humanos necessários para fazer os tratamentos no momento certo;
  • Dispor de material de aplicação em boas condições,corretamente regulado;
  • Fazer uma cobertura completa de todas as árvores, não deixando partes do pomar por tratar;
  • Respeitar as doses e concentrações do produto recomendadas (ler e seguir as indicações do rótulo);
  • Seguir as indicações e recomendações transmitidas pela Estação de Avisos para o combate ao pedrado.

O artigo foi publicado originalmente na Circular n.º 4 da Estação de Avisos de Entre Douro e Minho.

Comente este artigo
Anterior Medidas preventivas - Traça do Tomateiro - Tuta absoluta
Próximo Estudante analisa características do Pão de Bolota e de Urtiga

Artigos relacionados

Últimas

Açores admitem plano para fazer face a prejuízos na venda de queijo para os EUA

O titular da pasta da Agricultura, citado em nota de imprensa, declarou que “se se verificar que o agravamento das taxas aduaneiras dos Estados Unidos não for alterado e influenciar as vendas do queijo de São Jorge naquele país, […]

Últimas

Estudo sobre as qualidades sensoriais do kiwi português da variedade Hayward

No âmbito do projeto SIAC Internacionalização – Kiwis de Portugal, cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional da União Europeia e pelo Programa Operacional COMPETE, […]