Presidente da República inaugura Ovibeja e Parque de Feiras e Exposições Manuel de Castro e Brito

Presidente da República inaugura Ovibeja e Parque de Feiras e Exposições Manuel de Castro e Brito

A 35ª Ovibeja vai ser inaugurada, no dia 27 de Abril, pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que se associa também à cerimónia de atribuição do nome do Parque de Feiras e Exposições de Beja a Manuel de Castro e Brito, o grande congregador de esforços e de vontades na organização e desenvolvimento da Ovibeja e da região. À cerimónia também se associam, entre outras personalidades, o Ministro da Agricultura, Capoulas Santos e o Comissário Europeu para a Investigação, Ciência e Inovação, Carlos Moedas.

A atribuição do nome do Parque de Feiras e Exposições a Manuel de Castro e Brito foi deliberada recentemente pelo Município de Beja, resultante de proposta apresentada há cerca de dois anos pela ACOS – Agricultores do Sul, organizadora da Ovibeja.

Manuel de Castro e Brito, falecido em Março de 2016, foi presidente da ACOS durante cerca de três décadas e motor impulsionador da Ovibeja desde a sua primeira edição. Para a construção do Parque de Feiras e Exposições de Beja, inaugurado no ano 2000 pelo então Primeiro-Ministro, António Guterres, foi decisiva a determinação de Castro e Brito na sua persistente influência e conversações com os decisores políticos para a concretização desta obra. Melhores condições e mais espaço de crescimento e de consolidação da Ovibeja e a criação de uma infraestrutura com relevância estratégica para a cidade de Beja e para a região foram alguns dos objetivos perseguidos por Castro e Brito para a construção do Parque de Feiras e Exposições.

A decorrer de 27 de Abril a 01 de Maio, a edição comemorativa dos 35 anos da Ovibeja integra ainda uma exposição ilustrativa dos principais marcos do seu percurso. Uma feira plural sempre com os olhos postos no futuro e que este ano faz acontecer, mais uma vez, inovação, empreendedorismo e festa.

Comente este artigo
Anterior Regantes exigem revisão da convenção luso-espanhola das bacias hidrográficas
Próximo Sapec agro apoia o projeto “horta solidária”, uma iniciativa da federação portuguesa dos bancos alimentares contra a fome

Artigos relacionados

Últimas

Los eurodiputados instan a la CE a que utilice todas las herramientas de la PAC para apoyar a los afectados por los aranceles


Los eurodiputados reunidos en sesión plenaria en Estrasburgo adoptaron formalmente ayer -28 de noviembre- el texto de la resolución debatida dos días antes, […]

Nacional

Semana Gastronómica do Porco em 21 restaurantes do concelho de Reguengos de Monsaraz


Até Novembro de 2019 o concelho de Reguengos de Monsaraz reserva-nos semanas gastronómicas com os comeres locais. A abrir, […]

Nacional

Governo limita fracionamento de terras para acabar com “floresta caótica”

[Fonte: O Jornal Económico]

O ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, Capoulas Santos, explicou hoje que os limites impostos ao fracionamento das propriedades florestais pretendem acabar com uma “floresta caótica, […]