Portugueses querem desenvolver massa com algas para combater diabetes, obesidade e hipertensão

Portugueses querem desenvolver massa com algas para combater diabetes, obesidade e hipertensão

[Fonte: Vida Rural]

Um grupo de investigadores do Instituto Politécnico de Coimbra, da Universidade de Aveiro e da empresa AlgaPlus estão a desenvolver uma massa com algas para combater a diabetes, a obesidade e a hipertensão.

De acordo com os responsáveis, “este projeto [HEPA – Healthier eating of pasta with algae] pretende estudar a inclusão de macroalgas marinhas portuguesas, com o objetivo de formular massas que possam potencialmente contribuir para a diminuição de diabetes, obesidade e hipertensão na população.”

Segundo os investigadores, “o estudo da incorporação de macroalgas em massas alimentícias para melhorar os benefícios nutricionais e de saúde destas, pode levar à produção industrial de um produto alimentar alternativo.”

Rui Costa, coordenador da investigação, explica que “a utilização de extratos permite aumentar a concentração de nutrientes/compostos bioativos adicionados ao alimento sem detrimento do seu odor ou sabor, existindo uma forte evidência de que a sua incorporação se reflete frequentemente num incremento das características nutricionais e bioativas dos mesmos”.

Para já, os investigadores estão a testar e a avaliar os benefícios para a saúde deste alimento, assim como a analisar o teor de nutrientes e da biodisponibilidade na massa elaborada com farinha de macroalgas e/ou extratos de macroalgas.

Comente este artigo

O artigo Portugueses querem desenvolver massa com algas para combater diabetes, obesidade e hipertensão foi publicado originalmente em Vida Rural

Anterior VIII Encontro Nacional de Produtores de Mirtilo realiza-se este fim-de-semana
Próximo Presidente da CAP diz que apresentação do roteiro para a Neutralidade Carbónica foi “momento de propaganda política”

Artigos relacionados

Últimas

Oferta de emprego – Engenheiro Agrónomo – Espanha

A LabFerrer procura agrónomo português com experiência em sensores e instrumentos de medição.

Últimas

Governo não autorizará novas plantações de eucaliptos, transposições são a exceção

Lisboa, 30 jun (Lusa) – O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, garantiu hoje que “não se autorizarão novas plantações de eucalipto em Portugal”, apenas com “a única exceção de transposição de áreas que estão ecologicamente mal localizadas e que não são economicamente rentáveis”.

Na abertura da interpelação do PEV ao Governo que hoje decorre no parlamento sobre “Floresta e desertificação do mundo rural”, […]

Últimas

FertiPower concentra forças no aumento da eficácia da planta

[Fonte: Voz do Campo]
Plantas mais eficazes traduzem melhores resultados, que é como quem diz aumentos de produção. Mas há uma preocupação paralela: não fazer pressão sobre o meio ambiente e sobre os recursos. É esta a perspetiva da FertiPower em termos da oferta de mercado. […]