Portugal tem menos produção biológica mas utiliza menos fertilizantes

Portugal tem menos produção biológica mas utiliza menos fertilizantes

Portugal produz menos agricultura biológica, mas compara bem em termos médios na menor utilização de fertilizantes e pesticidas.

Portugal tem uma menor área agrícola dedicada à produção biológica, mas no total das explorações para este setor utiliza menos fertilizantes e pesticidas, de acordo com uma análise feita pelo INE à agricultura em função dos objetivos do pacto europeu ecológico (“green deal”), revelada esta quinta-feira, 22 de julho.

Portugal tinha, no final de 2019, 5,3% da sua superfície agrícola utilizada (SAU) em produção biológica, menos que os 5,9% que estavam registados em 2016 em toda a União Europeia. E muito longe dos 25% que a União ambiciona ter em 2030.

Isto apesar de Portugal ter mais do que duplicado (+112,2%) a sua superfície para produção biológica desde 2009.

Mas se em termos de produção biológica Portugal ainda tem caminho a fazer, a redução de fertilizantes e pesticidas na restante agricultura está a caminhar no bom sentido.

Segundo o INE, a utilização de fertilização inorgânica em Portugal reduziu-se 34,7% no período entre 2000 e 2019, quando na União Europeia a redução foi de apenas 9,5%. Na União Europeia, a quantidade de fertilizantes minerais disponível reduziu-se a um ritmo médio anual de 0,5% entre 2000 e 2019, enquanto em Portugal a queda foi de 2,2% ao ano.

O objetivo traçado […]

Continue a ler este artigo no Jornal de Negócios.

Comente este artigo
Anterior Ano agrícola 2019/2020 registou o julho mais quente desde 1931
Próximo Sidra da Madeira – Indicação Geográfica Protegida: nova Consulta Pública

Artigos relacionados

Sugeridas

Comissão da Agricultura aprova Casa do Douro como associação pública

[Fonte: DN]

A Comissão de Agricultura e Mar da Assembleia da República aprovou, por maioria, um projeto lei conjunto do PS, […]

Nacional

Expobiomasa realiza-se em Setembro

Facebook
Twitter
Google+
Pinterest
WhatsApp


Após o sucesso da última edição de 2017 Expobiomasa reuniu em apenas 4 dias a todos os profissionais no mercado em expansão de biomassa: empresas de maquinaria florestal e indústrias de biocombustíveis sólidos e pellets, […]

Nacional

Gigante da canábis acelera expansão europeia a partir de Cantanhede

[Fonte: Jornal de Negócios] A Tilray contratou mais quadros para a sua operação na Europa de forma a acelerar a expansão cujo epicentro está em Portugal. […]