Portugal Fresh organiza Missão Empresarial à Índia

Portugal Fresh organiza Missão Empresarial à Índia

[Fonte: Voz do Campo]

Sendo considerado pela maioria dos empresários do setor Hortofruticola um mercado estratégico importante a Portugal Fresh organiza agora uma Missão Empresarial, prevista para 5 empresas, de 22 a 27 de Abril de 2019, onde procurará ir ao encontro dos objetivos e expectativas dos participantes, possibilitando contacto direto com importadores, parceiros locais, e a participação no evento de referência Fresh Produce Índia.

As inscrições deverão ser feitas até ao dia 06 de Março de 2019 através do email info@portugalfresh.org.

Esta é uma ação realizada no âmbito do projeto conjunto de internacionalização do Portugal 2020 com candidatura submetida em Janeiro de 2019, encontrando-se ainda a Portugal Fresh à espera de resposta de aprovação.

A comparticipação às empresas poderá atingir os 50% desde que as mesmas suportem os 100% do custo total da participação no evento.

Comente este artigo

O artigo Portugal Fresh organiza Missão Empresarial à Índia foi publicado originalmente em Voz do Campo.

Anterior Dia de campo / Ação de demonstração MaisSolo
Próximo Apresentação da AIPH na Lusoflora

Artigos relacionados

Últimas

A importância da informação no desenvolvimento agropecuário sustentável – Miguel Damas de Matos

Comente este artigo
#wpdevar_comment_4 span,#wpdevar_comment_4 iframe{width:100% !important;} […]

Nacional

Divisão de Agricultura da DowDuPont. Corteva Agriscience nasce em Junho

[Fonte: Agricultura e Mar]
A Corteva Agriscience a Divisão de Agricultura da DowDuPont, irá concluir o seu processo de separação da DuPont Pioneer, DuPont Crop Protection e Dow AgroSciences no próximo mês de Junho, momento em que ocorrerá o lançamento mundial da nova marca, […]

Últimas

População de Vergão em Proença-a-Nova está assustada e preparada para o pior

[Fonte: Público]

Na localidade de Vergão, fronteira entre o concelho de Proença-a-Nova e Mação, a população está assustada e a preparar-se para o pior devido à proximidade do fogo que está a escassos quilómetros.

Américo da Silva, um dos habitantes desta localidade do concelho de Proença-a-Nova, […]