ChileBio Podcast | “Dizer que um CRISPR é como um transgénico é uma aberração”

Podcast | “Dizer que um CRISPR é como um transgénico é uma aberração”

Numa entrevista sobre biotecnologia agroalimentar, o bioquímico e biólogo molecular espanhol José Miguel Mulet afirma que as tecnologias que permitem editar genomas, como o CRISPR, não têm nada a ver com os OGM-Organismos Geneticamente Modificados e que “considerar um CRISPR como transgénico é uma aberração”.

O Professor Catedrático do Departamento de Biotecnologia da Universidade Politécnica de Valência referia-se à regulamentação das tecnologias de edição de genomas na União Europeia, que considera ser ter sido feita com “má-fé”. Numa entrevista para o podcast Cultivando la Conversación, José Miguel Mulet não foi de meias palavras ao afirmar que “considerar um CRISPR como transgénico é uma aberração, porque do ponto de vista científico uma coisa não tem nada a ver com a outra”.

Para este investigador doutorado em Bioquímica e Biologia Molecular, a explicação para essa comparação reside na sentença dada por um “juiz francês que queria ter os seus dez minutos de fama e demonstrar a sua ignorância ao subscrever os argumentos de um grupo de ambientalistas francês”.

Em todo o caso, e relativamente aos OGM, Mulet lembra que antes de um alimento transgénico chegar ao mercado tem de passar por rigorosos testes de controlo de segurança alimentar. “Um transgénico é certamente muito mais seguro do que um não transgénico, porque passou por muitos mais controlos”. Além disso, acrescenta, “se a tecnologia está no mercado há 25 anos, é porque funciona”.

José Miguel Mulet dirige um projeto no Instituto de Biologia Molecular e Celular de Plantas (IBMCP) que procura desenvolver plantas tolerantes à seca ou ao frio

Ouça o podcast aqui.

O artigo foi publicado originalmente em CiB - Centro de Informação de Biotecnologia.

Comente este artigo
Anterior Governo aprova 30 projetos de segurança em barragens com 1,2 ME de apoio
Próximo PRR: Fenareg quer reforço do financiamento em regadio

Artigos relacionados

Nacional

UE antecipa apoios à seca. Pagamentos directos em Outubro

Os Estados-membros da União Europeia acordaram hoje, 28 de Agosto, uma série de medidas de apoio propostas pela Comissão para atenuar as dificuldades financeiras enfrentadas pelos agricultores devido a condições climáticas adversas e para aumentar a disponibilidade de alimentos para os animais. […]

Últimas

Portugal pode receber 465 milhões de euros com reforço proposto para Fundo de Transição da UE

O principal beneficiário do Fundo de Transição Justa será a Polónia, com uma verba de 8 mil milhões de euros, seguida da Alemanha, com 5,1 mil […]

Últimas

Live-stream – “Agricultura e Alimentação: desafios do presente perspectivando o futuro”

Webinar “Agricultura e Alimentação: desafios do presente perspectivando o futuro”, num encontro que pretende debater e analisar os actuais e futuros […]