Pequenos produtores no Algarve passam dificuldades com a pandemia

Pequenos produtores no Algarve passam dificuldades com a pandemia

Paula Dias é uma das 100 pequenas produtoras algarvias que passa dificuldades em tempos de pandemia. Entre pedidos de ajuda, a mulher sugere também que se valorize o mercado português

A pandemia do novo coronavírus afetou todos os setores. No Algarve, pequenos produtores passam dificuldades económicas.

Numa reportagem da CMTV, conhecemos Paula Dias, de 51 anos, que trabalha na área da agricultura há dez anos. Faz parte dos mais de 100 pequenos produtores algarvios que passam dificuldades.

O seu negócio é de família e a mulher trabalha todos os dias na quinta de três hectares. Conta à estação de televisão que a pandemia não permitiu colher os frutos do seu trabalho, deixando-a “aflita” pela crise que se estava a avizinhar.

A produtora revela ainda que “se perdeu alguma coisa e, portanto, semeamos outras”. Apesar da crise que se vive, melhores dias estão por vir. É neste momento que são necessárias as ajudas das autarquias e Paula sugere a criação de mais mercados locais, de modo a valorizar a produção nacional. A mulher garante que assim “a nossa economia vai para a frente”.

O apelo é reforçado pelo “esquecimento do que é português”, uma vez que muitos produtos são importados.

Paula Dias pede ainda a criação de uma escola onde as crianças aprendam sobre agricultura e possam “andar ao ar livre e descobrir os insetos”.

A crise económica no setor de pequenos produtores já existia, mas ficou agravada com a situação de pandemia que vivemos. São pedidos mais apoios para os trabalhadores algarvios.

O artigo foi publicado originalmente em Postal do Algarve.

Comente este artigo
Anterior Diplomas sobre a floresta: CAP exige auscultação do setor por parte do ministro do ambiente e manifesta-se contra esta forma de aprovação legislativa
Próximo Ministra da Agricultura: “É importante que os agricultores se organizem para terem mais acesso aos mercados”

Artigos relacionados

Últimas

Drones. Força Aérea fez outro ajuste direto com empresa que falhou todos os prazos no verão

Só estão aceites seis dos 12 drones adquiridos por 4,5 milhões de euros à empresa que, apesar do ajuste direto justificado pela urgência, não os entregou a tempo da época de fogos de 2020. Era suposto estarem ao serviço do Ministério de […]

Sugeridas

ADP Fertilizantes lança novo fertilizante para pastagens

A ADP Fertilizantes, empresa de referência no setor dos fertilizantes e no panorama agronómico nacional, acaba de lançar o seu mais recente produto, NERGETIC P24 ZIMACTIV, da linha NERGETIC, ideal para as pastagens. […]

Últimas

Agroglobal arranca a 9 de Setembro. Abertas inscrições para expositores

A 7.ª edição da AgroGlobal – Feira das Grandes Culturas realiza-se de 9 a 11 de Setembro de 2020, em Valada do Ribatejo. As inscrições para […]