Parlamento insta Governo a declarar estado de emergência climática

Parlamento insta Governo a declarar estado de emergência climática

[Fonte: Vida Rural]

A Assembleia da República publicou esta segunda-feira (29 de julho) a resolução que recomenda ao Governo que declare o estado de emergência climática, assumindo o compromisso de promover a máxima proteção de pessoas, economias, espécies e ecossistemas e de restaurar condições de segurança e justiça climáticas.

No diploma, a Assembleia da República recomenda que o Executivo “pronuncie uma declaração de estado de ‘emergência climática’”, pedindo também que “e coopere com outros Estados-membros, as instituições da União Europeia e Estados terceiros com vista a determinar as melhores práticas para limitar o aquecimento global e mantê-lo abaixo de um grau e meio, e a implementar métodos que auxiliem à concretização desse fim”.

O Parlamento aprovou a 7 de junho grande parte dos textos referentes a resoluções apresentadas pelo PAN e Bloco de Esquerda para que o Governo declare no País o estado de urgência climática. No diploma do PAN apenas foi chumbado o “imperativo de reduzir as emissões de CO2 das atuais 6,5 toneladas por pessoa por ano para menos de duas toneladas – o mais rapidamente possível”.

Segundo o PAN, “a administração pública tem o dever de limitar os impactos do aquecimento global e deve-se comprometer com o objetivo de atingir a neutralidade carbónica o mais rápido possível”.

Já no diploma do Bloco de Esquerda, apenas um dos pontos foi rejeitado: a exigência ao Governo para que “adapte rapidamente a economia portuguesa com vista à sua neutralidade carbónica até 2030, desde logo antecipando o fecho das centrais electroprodutoras a carvão no máximo até 2023”.

Comente este artigo

O artigo Parlamento insta Governo a declarar estado de emergência climática foi publicado originalmente em Vida Rural.

Anterior Serviços dos ecossistemas vão ser remunerados
Próximo Castelo de Paiva recuperou açude para facilitar combate aos incêndios

Artigos relacionados

Nacional

Portugal continua “muito vulnerável ao risco” de incêndio

[Fonte: Público]

A Agência para a Gestão Integrada de Fogos Rurais (AGIF) considera que Portugal continua “muito vulnerável ao risco de incêndio”, […]

Nacional

Cinco novas soluções da Syngenta para protecção de culturas

[Fonte: Revista Frutas Legumes e Flores]
Ampexio C, Amistar Top, Carial Top, Affirm Opti e Costar são cinco novas soluções da Syngenta para controlo de pragas e doenças em vinha, […]

Últimas

Chanceler alemã diz que do G7 deve sair “mensagem clara” sobre os incêndios na Amazóna

[Fonte: SAPO 24]

“Estamos especialmente chocados com os incêndios horríveis na Amazónia. Na cimeira temos de ver como podemos ajudar e o objetivo deve ser que saia uma mensagem de que é […]