OE2020: Governo vai destinar parte das receitas do imposto sobre gasóleo colorido ao Programa de Desenvolvimento Rural e ao Mar 2020

OE2020: Governo vai destinar parte das receitas do imposto sobre gasóleo colorido ao Programa de Desenvolvimento Rural e ao Mar 2020

O Governo vai manter a consignação da receita do imposto sobre os produtos petrolíferos e energéticos, cobrado sobre o gasóleo colorido, até 10 milhões de euros, ao financiamento da contrapartida nacional dos programas PDR e Mar 2020.

“Em 2020 a receita do Imposto sobre Produtos Petrolíferos e Energéticos (ISP) cobrado sobre o gasóleo colorido e marcado é consignado, até ao montante de 10 milhões de euros, ao financiamento da contrapartida nacional dos programas PDR [Programa de Desenvolvimento Rural] 2020 e Mar 2020”, lê-se na versão preliminar da proposta do Orçamento do Estado (OE) para 2020, a que a Lusa teve acesso.

De acordo com o documento, o montante será preferencialmente destinado ao apoio à agricultura familiar e à pesca tradicional e costeira, “na proporção dos montantes dos fundos europeus envolvidos, devendo esta verba ser transferida do orçamento do subsetor Estado para o orçamento do IFAP” (Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas).

Por outro lado, os pequenos agricultores, os detentores do estatuto de agricultura familiar, os pequenos aquicultores e a pequena pesca artesanal e costeira, que utilizem gasóleo colorido e mercado com um consumo anual até 2.000 litros, vão receber uma majoração dos subsídios de 0,06 euros por litro.

O Mar 2020, que se insere no Portugal 2020, tem como objetivo a implementação das medidas de apoio enquadradas no Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas (FEAMP), estando entre as suas prioridades a promoção da competitividade, a sustentabilidade económica, social e ambiental, bem como o aumento da coesão territorial.

Já o Programa de Desenvolvimento Rural, foi aprovado na sequência de decisão da Comissão Europeia em dezembro de 2014 e visa o apoio às atividades do setor agrícola assente numa gestão eficiente dos recursos.

Continue a ler este artigo no SAPO 24.

Comente este artigo
Anterior Produção de leite 2020, que desafios?
Próximo OE2020: Antecipação de fundos para financiamento da Política Agrícola Comum deve ser regularizada até 2021, mas há limites para os valores executados em 2020

Artigos relacionados

Últimas

Brexit poderá custar a Portugal 433 milhões de euros em exportações por ano

Uma saída do Reino Unido da União Europeia sem acordo (“Hard Brexit”) poderá custar a Portugal 433 milhões de euros em exportações por ano. A estima é da Euler Hermes, que avalia também as […]

Últimas

Quinta do Romeu vence IV edição do Concurso Tomate Coração de Boi

A Quinta de Ventozelo recebeu III Edição do Tomate Coração de Boi do Douro. As escolha foi feita através de prova cega. […]

Últimas

AJAP está solidária com os produtores de leite

Lactogal no seu melhor
A AJAP – Associação dos Jovens de Portugal vem expressar a sua total solidariedade com os produtores de leite e as suas as associações de base, […]