Nuno Russo apela à reflexão, decisão e ação para desenvolver os territórios de baixa densidade

Nuno Russo apela à reflexão, decisão e ação para desenvolver os territórios de baixa densidade

O Secretário de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Nuno Russo, marcou presença nas Jornadas do Mundo Rural 2020, em Alcoutim, Faro.

Nuno Russo começou por destacar que “É apostando nestes territórios e apoiando a Agricultura, designadamente a pequena agricultura, a agricultura familiar e a agricultura biológica, estaremos a contribuir para um desenvolvimento coeso do território, um desenvolvimento que envolverá outros setores como a restauração, o turismo, o artesanato e a cultura e que será capaz de convocar as pessoas e de as envolver na construção de soluções e projetos”.

O Secretário de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural desafia assim, a que todos tenham a “capacidade de reflexão, decisão e de ação”.

“Ação que teve um bom impulso com a criação do Centro de Competências na Luta Contra a Desertificação (CCDesert), com sede em Alcoutim, e o seu princípio de transferência de conhecimento, investigação, formação, capacitação e divulgação, com objetivos bem definidos no Compromisso para a Investigação e Inovação. Ação que tem um bom exemplo com a criação da Rede Alimentar Local de Mértola e o fomento das cadeias curtas para acrescentar valor aos produtos endógenos e criar boas práticas de produção e consumo nas comunidades locais”.

“Reforçar, simplificar e agilizar todas as ferramentas já disponíveis para os agricultores, produtores, entidades públicas e privadas faz para da nossa ação diária, seja no âmbito dos programas e projetos já referidos ou seja ainda em iniciativas como o Jovem Empresário Rural e o Estatuto da Agricultura Familiar, sendo essencial que todos os recursos sejam efetivamente disponibilizados às pessoas que nos territórios fazem a diferença entre o envolvimento e o despovoamento.”, avançou Nuno Russo.

Para o Secretário de Estado “Sustentabilidade, Competitividade e Inovação são então três conceitos chave que norteiam a nossa ação no Ministério da Agricultura. Acreditamos que estes são também ingredientes fundamentais na resposta a estes desafios, na procura de um crescimento duradouro e que abranja todo o território”.

Comente este artigo
Anterior Bloco de Esquerda defende “medidas estruturais” para o Interior do país
Próximo The business of space

Artigos relacionados

Últimas

IFAP: Informações residentes no SIP podem sofrer atualizações

O IFAP – Instituto de Financiamento de Agricultura e Pescas informa que, conforme previsto no número 6 do artigo 13º da Portaria nº 58/2017, a […]

Nacional

Dir. reg. da Agricultura diz à RC que prejuízos dos regantes da Vigia são atenuados pelas culturas permanentes e pelas ajudas diretas (c/som)

[Fonte: Rádio Campanário] José Godinho Calado, diretor regional de Agricultura e Pescas do Alentejo, falou aos microfones da RC sobre a situação da Barragem da Vigia (Redondo), […]

Nacional

Abril regista maior volume de produção de frango e ovos de galinha

O volume de produção de frango em Abril de 2019 teve um aumento de 12,5% (+1,3% em Março), com 27 228 toneladas, […]