Novo modelo de Passaporte Fitossanitário entra em vigor a 14 de Dezembro

Novo modelo de Passaporte Fitossanitário entra em vigor a 14 de Dezembro

A Anseme — Associação Nacional dos Produtores e Comerciantes de Sementes relembra que o modelo de Passaporte Fitossanitário a utilizar no Espaço Comunitário foi sujeito a alterações dispostas no Ofício Circular n.º 29/2018 da DGAV — Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária. O novo modelo de Passaporte Fitossanitário entra em vigor a 14 de Dezembro de 2019.

Assim, será actualizada a lista de espécies (culturas) para as quais a introdução ou circulação dentro do Espaço Comunitário terá que ser acompanhada por um Certificado ou Passaporte Fitossanitário.

As condições para o Registo Fitossanitário (obrigatório para todos os operadores profissionais que introduzam ou façam circular materiais vegetais na União Europeia para os quais seja obrigatório um certificado ou passaporte fitossanitário) estão dispostas no Regulamento Delegado (UE) 2019/827.

Pragas de quarentena

Refira-se ainda que a lista de pragas de quarentena (para as quais passa a ser obrigatório a promoção de campanhas de informação junto do público, a realização de prospecções anuais e a preparação de planos de contingência bem como a realização de exercícios de simulação e a preparação de planos de acção para a sua erradicação) foi publicada pelo Regulamento Delegado (UE) 2019/1702 da Comissão.

Agricultura e Mar Actual

O artigo foi publicado originalmente em Agricultura e Mar.

Comente este artigo
Anterior Investigador da UTAD lança o alerta para nova ameaça ao castanheiro
Próximo PAN quer corredores e abrigos para abelhas em Lisboa

Artigos relacionados

Nacional

Prevenção contra fogos mobiliza quase 300 militares

Um total de 279 militares da Marinha e do Exército vão estar, entre este sábado e segunda-feira, no terreno para vigiar as zonas florestais e […]

Dossiers

Luís Mira. “As florestas não são nenhuma cozinha. O que é limpar? Aquilo não está sujo”

O secretário-geral da Confederação dos Agricultores de Portugal diz que “o setor agrícola era tido como um velho com uma enxada na mão e com o […]

Nacional

Centro Ibérico de Investigação e Combate aos Incêndios Florestais reúne em Castro Marim

Castro Marim acolhe esta quarta-feira, dia 13 de Novembro, no auditório da Biblioteca Municipal, a partir das 9h30, uma reunião no âmbito do desenvolvimento do projecto do Centro Ibérico de Investigação e Combate aos Incêndios Florestais (CILIFO). […]