Música para vacas

Uma foto ontem partilhada pelo João Villalobos sobre bananas? criadas ao som de música clássica fez-me recordar uma notícia de 2001, que reproduzo abaixo e que explica porque é frequente termos música nas vacarias??. Confesso que não sei se alguém tem playlist específica como sugerem aqui, normalmente escolhemos uma estação de rádio ? ao nosso gosto e assim as vacas tanto ouvem música como notícias ou relato de futebol (que parece um pouco stressante, mas pronto ?). Basicamente, um som tranquilo e familiar relaxa os animais e facilita a libertação de ocitocina e consequente saida mais fácil do leite na ordenha, permitindo um aumento de 3% na produção. Ah, e a música ou as piadas do Nilton, da Joana Marques ou de outros animadores de rádio (cada um terá os seus gostos) também melhora a disposição de agricultores e trabalhadores da vacaria, o que é bom para nós, para as vacas e para sucesso da empresa ?.
BBC, 27 de junho, 2001 :

“Vacas produzem mais leite quando ouvem música relaxante, segundo cientistas britânicos.

Pesquisadores da Universidade de Leicester tocaram vários tipos de música para mil cabeças de gado por 12 horas seguidas, das 05h00 às 17h00, durante nove semanas.

As vacas expostas a música clássica e canções lentas produziram 730 mililitros de leite a mais do que as que ouviram músicas mais agitadas.

“Música lenta ajuda a produzir mais leite provavelmente porque reduz o stress,” diz Adrian North, que realizou o estudo junto com seu colega Liam MacKenzie.”

81416971_180306463367661_1717098186587242496_n.jpg
81487817_180306483367659_8621785618495569920_n.jpg

O artigo foi publicado originalmente em Carlos Neves Agricultor.

Comente este artigo
Anterior Bagaço de azeitona: Situação de Fortes “pode multiplicar-se"
Próximo A Academia do Vinho Verde vai realizar 3 sessões de formação sobre “Poda e Condução da Vinha”

Artigos relacionados

Últimas

Live: Floresta e Bioenergia – Será a floresta uma verdadeira solução para a produção de energia?

A ONG ZERO – Associação Sistema Terrestre Sustentável organiza, no próximo dia 2 de março, às 14h30, um workshop online subordinado ao tema “Floresta e Bioenergia – Será a floresta […]

Nacional

Como se pôs uma oliveira contemporânea dos faraós a puxar por uma terra ribatejana

Um monumento vivo com 3354 anos chegou aos nossos dias, deixando em aberto uma questão pertinente: por quanto tempo mais terá condições para viver uma das árvores mais […]

Sugeridas

Empresa espanhola anuncia mais 1300 hectares de amendoal no Alentejo e procura investidores

A empresa espanhola Iberian Smart Financial Agro (ISFA) anunciou, recentemente, que em 2021 vai continuar a investir no Alentejo, nomeadamente na produção de amêndoa. […]